Arrowverso Wiki
Advertisement

"Mas cuidado, minha querida irmã. Por que usar aquele traje e todas as trevas que acompanham ele faz você ser tão maluca quanto eu."
Alice a respeito do Bat-traje[fonte]

O Bat-Traje,[1] também conhecido como o traje de Batwoman e anteriormente como o traje de Batman, é um traje protetor de alta tecnologia criado por Lucius Fox através das Empresas Wayne. O traje pertenceu inicialmente a Bruce Wayne e, mais tarde, Kate Kane durante suas atividades como Batman e Batwoman, respectivamente.

Depois que Bruce saiu de Gotham, Kate decidiu se tornar a nova protetora da cidade. Cansada de ser confundida pelo Batman, ela alterou o traje para mostrar que havia uma nova vigilante. Um ano depois, quando Kate desapareceu, Ryan Wilder se tornou a nova Batwoman e realizou mais algumas modificações no traje.

Visão geral[]

Traje de Batman[]

A primeira versão do bat-traje era toda preta, cobrindo completamente o corpo com exceção da boca. Ostentando orelhas pontudas curtas e uma capa que se estendia em forma de asas, o traje original era extremamente tático e utilizava um esquema de cores totalmente escuro como um meio de camuflagem natural para fugas noturnas em ambientes escuros. O traje foi feito com recursos de alta tecnologia das Empresas Wayne, garantindo a Bruce proteção extrema contra uma grande variedade de ameaças.[2]

Traje de Batwoman[]

Kate Kane[]

Inicialmente, Kate usou o traje de Batman por algum tempo. A única modificação feita foi para que a roupa pudesse se encaixar no corpo de Kate.[2]

Após o uso do traje, Kate fez outras alterações para se distanciar do Batman. A segunda versão do bat-traje incluia uma peruca vermelha brilhante presa ao capuz, juntamente com alguns detalhes vermelhos pintados com spray no traje. Como resultado do ser feminizado, o símbolo do morcego em seu peito ficou mais esticado verticalmente.[3]

Segundo traje de Batwoman

Pescoço de Kate exposto no traje de Batwoman.

Após a crise, Luke Fox adicionou um lançador de Batarang ao pressionar um botão na luva esquerda do traje. Ele também adicionou um botão na luva direita, onde a câmera no capuz se ativaria e enviaria imagens para a Batcaverna. Outra modificação feita foi que agora o pescoço do portador do traje estava exposto.[4]

Ryan Wilder[]

Assim como Kate, Ryan, inicialmente, usou a versão anterior do traje. A única diferença era que a parte do pescoço agora estava coberta novamente.[5]

Mais adiante em sua carreira de vigilante, Ryan fez modificações no traje; ela trocou a peruca ruiva reta por uma marrom e encaracolada, que ainda incluía algumas mechas vermelhas nas laterais.[6]

Possível futuro[]

Em algum momento antes ou durante 2049, Ryan atualizou ainda mais o traje para cobrir a boca, além de usar orelhas mais longas e botas vermelhas.[7]

História[]

Pré-Crise[]

Quando Bruce Wayne decidiu se tornar um vigilante, Lucius Fox criou um traje especial para que ele pudesse usá-lo para esconder sua identidade. Lucius se inspirou na forma de morcego para criar a roupa.[2] Bruce continuou operando como Batman por muitos anos, mas deixou a roupa para trás depois que matou o Coringa.[8]

O bat-traje então continuou inativo por 3 anos. Quando Kate Kane retornou à Gotham City depois que Sophie Moore foi sequestrada, ela descobriu que Bruce era o Batman. Kate então decidiu usar o traje para resgatá-la[2] e, eventualmente, se tornou a vigilante Batwoman.[1]

Julia Pennyworth usou o traje brevemente para enganar os membros da Segurança Corvos depois que eles começaram a suspeitar que Kate era a Batwoman.[9]

Pós-Crise[]

Quando Kate desapareceu após seu avião ter explodido, Ryan Wilder encontrou o Bat-Traje nos destroços da aeronave. Ela decidiu usar a roupa para ir atrás de Alice e se vingar pela morte de sua mãe adotiva, mas o devolveu para Mary Hamilton e Luke Fox depois de lutar contra Tommy Elliot.[5] No dia seguinte, Ryan convenceu Mary e Luke em deixá-la usar o traje para dispersar uma multidão na praça de Gotham, que seria o alvo de um ataque de Alice. Depois de impedir o plano de Alice, Ryan recebeu a aprovação de Mary e Luke para operar como Batwoman durante a ausência de Kate.[10]

Como o traje estava lhe incomodando, Ryan decidiu fazer algumas alterações; como colocar uma nova peruca e fazer com que a roupa se encaixasse em seu corpo.[6]

Depois que Kate (que havia sofrido lavagem cerebral do Máscara Negra para fazê-la acreditar que era Circe Sionis) convenceu a Bat Equipe em lhe devolver o traje, ela prendeu Mary, Luke e Sophie. Kate então roubou o traje e, em um lugar secreto, usou um pedaço de kryptonita para arrancar o símbolo do bat-traje.[11] Kate então usou uma versão própria do bat-traje durante uma luta contra Ryan e Alice. Depois que suas memórias foram restauradas, Luke consertou o traje.[12]

Possível futuro[]

Em um possível futuro, Ryan continuou operando como Batwoma naté 2049. Ela usou o traje quando ajudou outros heróis a enfrentar Magog.[7]

Capacidades[]

"As pessoas não tem mais medo. Um exército não vai assustá-los. Mas isto vai."
Kate Kane para Luke Fox[fonte]

Funções[]

  • Ocultação de identidade: Bruce Wayne, Kate Kane e Ryan Wilder usam uma máscara preta parecida com um morcego para esconder suas identidades.
    • Peruca sintética: Kate adicionou uma peruca vermelha sintética ao bat-traje algumas semanas depois de se tornar a Batwoman, para que seus inimigos não a confundissem com o Batman. Depois que Ryan adquiriu o traje e recebeu a bênção de Luke e Mary para operar totalmente como Batwoman, ela trocou a peruca original por uma peruca marrom enrolada com listras vermelhas nas laterais.
  • Intimidação: Bruce, Kate e Ryan usam o traje para aterrorizar seus inimigos.
  • Sinalizador: Um sistema de rastreamento avançado foi construído no traje e utiliza um farol incluído na construção do traje e, portanto, pode ser localizado e monitorado da Batcaverna por meio de imagens de satélite. Ativar este sinalizador de rastreamento ativará uma luz verde na luva esquerda do traje. Inversamente, o farol pode ser desativado pressionando o botão apropriado em uma das manoplas.
  • Sistema de comunicação: Dentro do capuz do traje há um sistema de comunicação que conecta o usuário do traje à Batcaverna através de uma linha de comunicação criptografada. O sistema de comunicação pode ser desligado com o toque de um interruptor no cinto de utilidades do traje.
  • Sistema de dano: As fibras de tecno-carbono do traje registram qualquer dano causado ao traje. Essas informações são coletadas e enviadas para o Batcomputador na Batcaverna para poder ser analisado. Este sistema também pode determinar pontos de ruptura críticos no traje no caso de sua proteção ser de alguma forma severamente ignorada.
  • Disruptor: Na luva esquerda do traje há um disruptor que pode substituir temporariamente as armas baseadas em tecnologia e torná-las inúteis. Esse recurso exige que a manopla seja carregada, porém, sem essa preparação, levará 30 segundos para ser ativado remotamente.
  • Planar: A capa do traje pode se estender e endurecer, permitindo que o usuário plane pelo ar como meio de transporte aéreo.
  • Desfibrilador interno: O traje possui um desfibrilador embutido que, em caso de emergência, pode ser usado para impulsionar o coração do usuário.
  • Kevlar: Todo o traje foi fabricado com kevlar de nível militar com tecido de nanotubos de carbono enriquecidos de seu próprio projeto. Isso significa que, apesar das camadas finas e justas sobre o corpo do usuário e da flexibilidade aparentemente semelhante a um pano que mostra quando usado, o tecido principal do traje é nada menos que legitimamente resiliente. O traje é impenetrável contra todas as armas de fogo comerciais e militares. Até mesmo a capa em si é tão resistente e capaz de parar tiros dessa maneira, mesmo quando flutua insubstancialmente ao vento atrás de seu usuário.
  • Regulador de temperatura: O traje possui um sistema de regulação de temperatura corporal embutido que pode ser controlado remotamente a partir da Batcaverna. O regulador é capaz de manipular as leituras térmicas do usuário para fazer o monitoramento externo registrar que a temperatura corporal do indivíduo está tão quente ou tão fria quanto o pretendido. Essa função também pode ajudar a servir como um sistema interno de aquecimento ou resfriamento.
  • Monitoramento de vitalidade: Uma série de sensores instalados permite que as leituras vitais do usuário sejam monitoradas a partir da Batcaverna. Esses sensores são tão refinados e altamente calibrados que não apenas podem determinar se o usuário foi drogado ou exposto a um fator ou substância maligna, mas também fornecem uma chance muito boa da natureza da referida malignidade. O traje também pode detectar leituras de alta tensão.
  • Lentes brancas: O traje está equipado com um par de lentes brancas que cobrem os orifícios dos olhos no capuz quando ativados. Essas lentes servem a uma infinidade de funções.
    • Câmera: As lentes têm uma configuração que, quando acionada, destaca o que o usuário vê de maneira semelhante a um HUD, para que possa avaliar os dados visuais processados ​​tecnologicamente em movimento.
    • Ecolocalização: As lentes têm uma configuração de ecolocalização para permitir a detecção de vibrações no ar, que são visualmente representadas como flashes de luz pulsantes irregulares vindos da fonte da vibração. Esta função permite que o usuário visualize frequências vibracionais de outra forma imperceptíveis ao ouvido nu.
    • Detecção eletrônica: As lentes têm uma configuração para detectar dispositivos eletrônicos rastreando a atividade elétrica que funciona em engenhocas tecnológicas ativas enquanto operam.
    • Visão infravermelha: As lentes têm uma configuração que permite a visualização através do espectro infravermelho, permitindo ao usuário perceber assinaturas térmicas e leituras de fontes de calor que estão dentro de seu campo de visão.
    • Visão noturna: As lentes incluem uma configuração de visão noturna para melhorar a visibilidade em salas completamente mergulhadas na escuridão.
  • Lançador de batarangs: O traje possui um lançador de batarangs implantado na luva esquerda.
  • Cinto de utilidades: Localizado na cintura, o traje apresenta um cinto que guarda dispositivos e ferramentas importantes que Ryan, Kate e Bruce possam usar em campo.

Fraquezas[]

  • Kryptonita: Segundo Lucius Fox, a kryptonita verde é o único elemento existente capaz de penetrar o bat-traje.[13]
  • Sobretensões elétricas extremas: Embora forneça forte isolamento da maioria das correntes elétricas, o bat-traje não pode suportar grandes quantidades de eletricidade. Se exposto a uma quantidade excessiva de eletricidade, o traje informará o pico de energia ao Batcomputador e o usuário ficará vulnerável aos efeitos da corrente.[14]

Fraquezas anteriores[]

  • Arma especial: Depois de se tornar o Batman, Bruce Wayne teve uma arma de ferro portátil encomendada para ser capaz de penetrar no bat-traje caso a roupa caísse nas mãos erradas. A arma disparava um projétil carregado eletromagneticamente que se movia rápido o suficiente para penetrar na armadura do traje.[1] No entanto, em algum momento depois que a arma foi recuperada de Tommy Elliot, Kate Kane decidiu derreter a arma.
  • Acelerador de bobina: Acreditando que o Batman era uma ameaça, Catherine Hamilton-Kane pediu para que sua empresa construísse uma arma capaz de penetrar no bat-traje e matar seu portador. Depois que o vigilante desapareceu, Catherine interrompeu o desenvolvimento da arma, mas o retomou assim que a Batwoman surgiu. Depois que a arma foi produzida, Alice e Jonathan Cartwright roubaram o dispositivo e mataram os cientistas que sabiam como construí-lo.

Aparições[]

Flash[]

5ª Temporada[]

6ª Temporada[]

8ª Temporada[]

Arqueiro[]

7ª Temporada[]

8ª Temporada[]

Supergirl[]

4ª Temporada[]

5ª Temporada[]

Batwoman[]

1ª Temporada

2ª Temporada

3ª Temporada


Lendas do Amanhã[]

5ª Temporada[]

Quadrinhos[]

Crisis on Infinite Earths Giant[]

EARTH-PRIME[]

Galeria[]

Artes conceituais[]

Imagens promocionais[]

Túnel do Tempo[]

Batwoman[]

1ª Temporada
2ª Temporada
3ª Temporada


Crise nas Infinitas Terras[]

Flash[]

8ª Temporada[]

Curiosidades[]

  • De acordo com Kate Kane, o traje custou cerca de $10.8 milhões de dólares para ser feito.
  • Segundo Kate, apesar do traje ser à prova de balas, o portador da roupa ainda sente dor após ser baleado.

Por de trás das câmeras[]

Referências[]

Advertisement