Arrowverso Wiki
Advertisement
Para o grupo da Morte Vermelha, veja Galeria de Vilões (Terra-Prime).

"Se eu quiser continuar trabalhando na Central City, vou precisar de uma equipe diferente."
Leonard Snart para Mick Rory[fonte]

A Galeria de Vilões[1] foi um grupo criminoso composto por inimigos do Flash liderados por Leonard Snart. Sua base de operações foi Central City.

História[]

Formação[]

A Galeria foi formada por Leonard Snart após seu primeiro confronto com o Flash. Ele percebeu que enfrentá-lo seria difícil, e para isso precisaria de uma nova equipe. Snart se encontrou com Mick Rory e lhe entregou uma arma, oferecendo-o um lugar em sua equipe.[2]

Conflitos com o Flash[]

Onda Térmica e Capitão Frio enfrentando o Flash

Onda Térmica e Capitão Frio enfrentando o Flash.

Snart e Rory decidiram lutar contra o Flash nas ruas de Central City para poder expor a existência do velocista ao público. Para fazer isso, eles sequestraram Caitlin Snow e a mantiveram presa até que o Flash fosse confrontá-los. O velocista os confrontou e deu início a uma batalha. O Flash conseguiu vencê-los ao fazer os raios de suas armas se cruzarem. Embora tivesse perdido a luta, Snart afirmou que iria se sair melhor da próxima vez. Enquanto ele e Rory eram transportados para a prisão, Lisa Snart os salvou.[3]

Com Lisa agora recrutada, a Galeria começou a readquirir suas armas depois que foram confiscadas durante sua última batalha com o Flash. Para fazer isso, Lisa seduziu Cisco Ramon em um bar e o atraiu para uma mansão onde Snart e Rory estão estavam. Leonard instruiu a Cisco a recriar suas armas, mantendo o irmão dele, Dante Ramon, como refém, além de fabricar uma nova arma para sua irmã. Depois de ter suas armas devolvidas, Leonard pressionou Cisco para fazê-lo revelar a identidade secreta do Flash. Mais tarde, quando a Galeria estava roubando um caminhão, Barry levou Snart para uma conversa. Depois de várias tentativas de fazer Snart cessar sua atividade criminosa ou se mudar para outro lugar, Barry insultou o orgulho de Snart, dizendo-lhe que se ele fosse realmente tão habilidoso, não precisaria machucar ninguém.[4]

Aliança com o Flash[]

Snart e Lisa com a Equipe Flash

Snart e Lisa com a Equipe Flash.

Quando precisou de ajuda para transportar os meta-humanos presos no pipeline, Barry pediu ajuda de Snart. Snart concordou em ajudá-lo contanto que ele apagasse os dados e arquivos que o DPCC possuía dele. Embora Barry cumprisse sua parte do acordo, Snart o traiu. Ele sabotou os inibidores do caminhão de transporte e ajudou os meta-humanos a escaparem. Após se apresentar, Snart permitiu que eles fossem embora, mas afirmou que todos lhe deviam uma. Questionado o motivo da traição, Snart culpou Barry por isso, já que ele havia confiado em um criminoso. Antes de partir, Snart afirmou a Barry que ele também lhe devia uma por ter o salvo de Jake Simmons.[3]

Algum tempo depois, Lisa pediu ajuda da Equipe Flash para salvar Leonard. Ela explicou que seu irmão estava sendo forçado a ajudar seu pai, Lewis Snart, a organizar um roubo para poder salvar sua vida. Barry fingiu ser um técnico para ajudar os Snarts enquanto a Equipe Flash tentava encontrar uma forma de remover a bomba no pescoço de Lisa. Quando Cisco extraiu a bomba, Barry informou Leonard sobre isso. Sabendo que sua irmã estava salva, Snart matou seu pai. Lisa agradeceu a Equipe Flash por ajudá-los, mas Snart acabou sendo preso e enviado à Iron Heights.[5]

Um ano depois, Mardon libertou Snart de Iron Heights como agradecimento. Ele sugeriu que se unissem a James Jesse para poder enfrentar o Flash. Snart recusou a oferta e, ao invés de se unir aos dois, alertou Barry sobre o plano de Mardon e Jesse. Eventualmente, o Flash conseguiu derrotar a dupla e os enviou novamente para Iron Heights.[6]

Se separando[]

Em algum momento no tempo, Snart e Rory roubaram um banco de Central City. Quando tentaram fugir em uma mini-van, eles foram interceptados por Rip Hunter, que os levou à Star City. Os dois decidiram aceitar a oferta dada e entraram para sua equipe, dando um fim à Galeria de Vilões.[2]

Realidade reescrita[]

Em uma realidade reescrita pela Legião do Mal usando a Lança do Destino, Snart e Rory se tornaram novamente ladrões de Central City. No entanto, a polícia da cidade não os perseguia como antes.[6]

Legado[]

Um grupo semelhante foi formado por Sam Scudder e Rosa Dillon após descobrirem que Snart havia deixado Central City, inspirando-os a se tornarem os "rei e rainha" da cidade. No entanto, eles foram derrotados pelo Flash e Jesse Quick.[5]

Alguns anos depois, uma equipe conhecida como os Jovens Vilões foi formado por Nora West-Allen, que havia recrutado alguns inimigos jovens da Equipe Flash. Cisco até chegou a comparar as duas equipes. No entanto, os vilões traíram Nora para tentar forçar o Flash a revelar sua identidade secreta. Eles então foram derrotados pela Equipe Flash.[1]

Membros conhecidos[]

Membros anteriores[]

Aliados conhecidos[]

Aliados anteriores[]

Inimigos conhecidos[]

Inimigos anteriores[]

Aparições[]

Flash[]

1ª Temporada

2ª Temporada

5ª Temporada


Lendas do Amanhã[]

1ª Temporada[]

2ª Temporada[]

Por de trás das câmeras[]

  • Nas histórias em quadrinhos da DC Comics, a Galeria de Vilões é uma equipe composta pelos inimigos do Flash. Embora os membros da equipe sejam, de fato, vilões, eles não gostam de serem chamados dessa forma. Eles também apresentam algumas regras quando operam em campo, como não matar inocentes.

Referências[]

Advertisement