John Constantine
John Constantine.png
Informação
Ocupações Pré-Crise
Detetive ocultista
Estudante na Escola Primária de Liverpool (anteriormente; expulso)
Cantor da Membrana Mucosa (anteriormente) Líder da Equipe de Newcastle (anteriormente) Líder de sua equipe
Membro das Lendas
Pós-Crise
Detetive ocultista
Líder da Equipe de Newcastle
Membro das Lendas
Membro do Membrana Mucosa (anteriormente)
Estado atual Vivo
Família Konstentyn (ancestral)
Tommy Constantine (pai; morto)
Mary Anne (mãe; morta)
Sem nome (irmã)
Universo de origem Terra-1
Intérprete Matt Ryan
Fonte

John Constantine (nascido em 10 de Maio de 1982[1]), conhecido como El Diablo (o Diabo) entre as gangues da Cidade do México,[2] é um exorcista, demonologista e feiticeiro, auto-estilizado como o "mestre das artes das trevas".[3] John é o filho do falecido Tommy Constantine e da falecida Mary Anne, o irmão de uma mulher sem nome, um descendente de Konstentyn, o ex-amante/amigo próximo de Sara Lance e Gary Green, e o ex-namorado de Desmond e Natalie. Tendo sido criado por um pai abusivo desde que sua mãe morreu no parto, John cresceu muito cínico e astuto, logo desenvolvendo um interesse pelas artes das trevas.

Na adolescência, John foi introduzido no mundo oculto por Anne Marie. Ele aprendeu vários feitiços e se tornou um exorcista com a esperança de um dia usar seus poderes para ressuscitar sua mãe. John tornou-se uma figura de respeito entre os usuários da magia.

No entanto, uma noite, John tentou um exorcismo em uma jovem chamada Astra, convocando o demônio Nergal, apenas para o demônio matar Astra e arrastar sua alma para o Inferno, condenando-a por toda a eternidade, uma ação que condenou a alma de John ao inferno após sua morte Oprimido pela culpa, John inicialmente se aposentou, depois do anjo Manny alertá-lo sobre algo, ele voltou a enfrentar essa ameaça, com Manny dando a John esperança de que, se ele tivesse sucesso, sua alma pudesse ser poupada da condenação eterna.

Após as Lendas permitirem que Mallus fugisse de sua prisão para poderem destruí-lo, isto permitiu que outros seres malignos escapados. Ao lado de Gary, agente da Agência do Tempo, John confrontou-os a respeito disto. Cinco meses depois, ele ajudou-os a capturar os "fugitivos" que escaparam de sua prisão, enviando-os ao Inferno. Inicialmente ele recusou entrar para a equipe, mas após descobrir que estava sendo perseguido por um demônio chamado Neron, Constantine concordou em se mudar para a Waverider.

Biografia

Pré-Crise

Vida pregressa

John Nasceu em Liverpool, na Inglaterra, em 10 de Maio de 1982,[1] sendo o único filho de Tommy Constantine e Mary Anne. Sua mãe morreu ao dar à luz, fazendo com que seu pai desenvolvesse um profundo ressentimento em relação a John, a quem ele se referiu com ironia como "Assassino" de sua esposa. Sempre que Tommy chegava em casa bebendo, o que John afirmava ser "todas as noites", ele abusava fisicamente de seu filho, lembrando-lhe que Mary Anne morreu por causa dele. Além disso, para puni-lo, Tommy apagava cigarros queimando-os nos braços de John.

John também tinha uma irmã mais velha, que abandonou-o por motivos desconhecidos.[4]

Durante sua adolescência, John conheceu uma freira chamada Anne Marie, que apresentou-o ao mundo ocultista. Eles também se tornaram amantes por um tempo.[5] John começou a ler cada livro que encontrava a respeito do oculto, aprendendo de como conjurar os mortos para que, um dia, pudesse conjurar sua mãe.[4]

Em algum momento de sua vida, John conheceu e se tornou amigo de Chas Chandler[6] e Esrin Fortuna.[7]

John também teve um encontro brutal com o feiticeiro Felix Fausto. Ele sobreviveu, mas deixou Felix com ódio de si.[6] Ele também se tornou um inimigo ocasional de Papa Meia-noite, um sacerdote vodu, depois de várias relações nefastas.[8] Em algum momento, John soube da existência de Damien Darhk, um praticamente de magia negra e o líder da C.O.L.M.É.I.A.. Ele teve tanto medo de Darhk que considerou deixar o que quer que este tentasse destruir como uma opção preferível do que encará-lo.[9]

Uma vez, Constantine enfeitiçou um Beebo para que pudesse torná-lo senciente. Aparentemente, o brinquedo disse coisas não muito agradáveis para John.[3]

Visitando Lian Yu

Procurando um antigo livro de feitiços, o Orbe de Hórus, John foi até Lian Yu para encontrá-lo. Ao chegar na ilha, ele foi capturado pelos homens do Baron Reiter e brutalmente interrogado. Conklin interrompeu a interrogação para dizer a Reiter que comunicadores e dispositivos da A.R.G.U.S. foram encontrados, e acusaram Oliver Queen de ser um espião. Reiter presenteou Oliver com um mapa que John tinha e, após confirmar sua localização, John citou um feitiço e se libertou de suas algemas e apontou uma arma para Oliver, utilizando-o como uma forma de sair do complexo do Reiter. Ele fez Oliver levá-lo à força para a área que procurava e executou um feitiço para descobrir a passagem escondida, para grande choque de Oliver.

Oliver ao lado de John.

Uma vez lá dentro, eles exploraram a caverna onde John explicou que existem áreas do mundo tão antigas quanto ela, incluindo Lian Yu, possuindo coisas que homens corruptos, como Reiter, não deveriam ter. John finalmente encontrou o que procurou e o recuperou, mas desencadeou uma armadilha pela qual Oliver o salva de ser morto, insistindo que ele não é um dos homens de Reiter. Depois de sair da caverna, John agradeceu a Oliver por salvar sua vida e quebrou o cristal da vara para dar a Reiter, pois a própria vara é o que contém a magia. John também alertou Oliver sobre Reiter, insistindo que seus narcóticos não são seu único interesse por estar na ilha. Como seguro, John também usou a vara para transferir um feitiço em seu braço para o torso de Oliver, insistiu em saber o que fazer quando chegasse a hora e, a pedido de Oliver, John deu um soco nele como parte de sua "fuga" e saiu em seu barco, mas os dois continuariam em contato.[9]

Incidente em Newcastle

Em Newcastle, John, acidentalmente, condenou a alma de Astra ao Inferno ao invocar o demônio Nergal para que enfrentasse outro demônio.

Quando um demônio possuiu uma garota chamada Astra, a filha de um amigo de John, ele e seus amigos (Anne-Marie Flynn, Gary Lester, Ritchie Simpson, Judith e Chas Chandler) tentaram impedi-lo. No entanto, John decidiu invocar um demônio mais poderoso chamado Nergal, como uma forma de extraí-lo e devolver o demônio ao Inferno. Porém, Nergal foi capaz de arrastar Astra para o Inferno junto dele, condenando-a por toda eternidade. Isto também resultou que, após sua morte, a alma de John também seria enviada ao Inferno. Este evento assombrou John e todos do grupo pelo resto de suas vidas.[4]

Pagando uma dívida

Alguns meses depois, John descobriu que uma mulher possuída estava escrevendo nas paredes. Após exorcizá-la, John viu as palavras "Liv Morrerá". Relembrando a promessa feita a um amigo, Jasper Winters, John foi até os Estados Unidos. Lá ele conheceu Liv Aberdine, a filha de um amigo que, igual a seu pai, conseguia ver coisas sobrenaturais. Eles então descobriram que o demônio Furcifer estavam perseguindo-os para que pudesse matá-la. John decidiu pedir a ajuda de Ritchie, e os três então prepararam uma armadilha. Enquanto recitava um encantamento para enviá-lo de volta ao inferno, Astra apareceu. Furcifer fez uma oferta para John: se fosse libertado, ele libertaria a alma de Astra. Prestes a libertar Furcifer, Liv descobriu que aquela não era Astra, mas um demônio fingindo ser ela. Sabendo disto, John performou o exorcismo e enviou-o de volta ao Inferno. Liv saiu para viver com um amigo, mas não antes de realizar um ritual de observação no mapa dos Estados Unidos, deixando muito sangue nas fontes da magia negra fortalecida. Enquanto isso, John tomou a decisão de ajudar Manny a descobrir a natureza daquilo que estava causando o mundo sobrenatural enlouquecer. Ele e Chas Chandler decidiram enfrentar os problemas sobrenaturais do país, na esperança de salvar a alma de John ao longo do caminho.[4]

Exorcismos ao redor do mundo

John Constantine em uma missão em Heddwich.

Indo ao Estado de Pensilvânia sem seu parceiro, John conheceu Zed Martin, que via Constantine em seus sonhos. Embora ele não confiasse em Zed no começo, suas habilidades específicas e um talento para a magia da clarividência fizeram dela um trunfo para John. Abandonando Zed no hotel, Constantine viajou para a cerimônia do velório em memória do falecido Lannis Cadogan, usando a situação para bisbilhotar a casa e procurar pistas.

John encontrou a esposa de Lannis Cadogan, que lhe contou sua triste história por se casar com um marido morto que tentou cortejá-la como uma "capitã da indústria" e depois tentou seduzir John. Quando ele não respondeu aos avanços dela, a viúva gritou com ele e fez uma cena na frente dos convidados, expulsando publicamente Constantine fora de sua casa. Tendo que combater os capangas da empresa de mineração, John deixou as instalações, mas não antes de deixar Thad Bowman saber que ele descobriu o segredo por trás dos acontecimentos não naturais da mina. No começo, John suspeitava que o pregador local desprovido de privilégios era aquele que encantou o Coblynau a fazer ações sombrias, mas depois a investigação junto com Zed o convenceu de que o homem era inocente. Se aventurando nas minas enquanto seguia Thad e seu filho, John e Zed encontraram o Coblynau tentando atacar os dois homens, mas John conseguiu quebrar o feitiço sombrio e lembrar o espírito de sua boa natureza, embora não antes de matar o pai. Finalmente descobrindo, John voltou à viúva de Lannis Cadogan, revelando suas suspeitas sobre o uso dela da magia negra cigana. Ela tentou sic Coblynau em Constantine, mas esqueceu o fato de que Coblynau são espíritos de mineiros mortos, o que permitiu que John convocasse seu marido como um só, para se vingar de quem o matou. O Lannis, que virou Coblynau, apareceu do chão e arrastou a esposa por baixo dele junto com ele.[1]

Mestres da Rising Darkness

Após derrotar o demônio Lamashtu, John descobriu que a causa dos eventos sobrenaturais eram obras da "Rising Darkness". O plano da Rising Darkness foi feito por Brujería, que planejava unir o Inferno e a Terra em um só. Ela encontrou um meio de quebrar o balanço que mantinha ambos planos separados, que permitiria que todas as criaturas demoníacas andassem livremente entre os humanos. Entre outras criaturas que encontrou, John também enfrentou Invuche e Nahash. Para enfrentá-los, John fez um pacto com Satanás, permitindo que Pazuzu possuísse seu corpo em troca de regeneração e poder.[2][5]

Após isto, John teve de remover o demônio de seu corpo enquanto tentava fugir de uma prisão na Cidade do México, onde foi preso após Pazuzu assassinar membros da Santa Muere. Na prisão, John conheceu Stanley Gibson e Julio, cuja ações permitiram que Pazuzu escapasse e assassinasse mais membros da Santa Muere, fazendo com que os outros prisioneiros considerarem John a pessoa no comando e dando-o o apelido de "El Diablo". Zed, Chas e Anne-Marie Flynn, uma antiga integrante da Equipe de Newcastle e agora uma freira na Igreja Católica, levaram John e removeram Pazuzu de seu corpo.[2]

Após descobrir sobre o ataque da Cruzada da Ressurreição à casa de Jasper Winters, ele o cobriu com um feitiço de duplicidade, mas Zed ainda estava perturbada por eles, revelando sua localização em primeiro lugar. John e Zed foram para a cidade de Nova York e ajudaram Chas a salvar sua filha, Geraldine, que ficou sem alma depois de ser alvo do feitiço de separação da Alma. Alistando a erva-doce local, a equipe descobriu a localização do esconderijo de um mago escuro, com o mago se transformando em Felix Fausto, um antigo mago preto com ressentimento contra John.[6]

Fausto concordou em liberar a alma de Geraldine se John mandasse o demônio Karabasan de volta ao Inferno. Chas se recusou a cooperar com o homem que tirou a alma de sua filha e ficou irritado com o fato de John não saber como combater Fausto, agora fortalecido por muitas almas roubadas e pelo poder da Rising Darkness. John e Zed foram sozinhos e conseguiram matar Karabasan. No entanto, Fausto anunciou que desde que John matou o demônio, em vez de bani-lo, ele não precisou fazer sua parte no acordo. Por sua vez, Chas mostrou seus poderes a Fausto e ofereceu outro acordo: a alma de sua filha em troca de outras 31 almas que ele possuía. Quando Fausto agarrou avidamente a oportunidade, Chas o acorrentou a si mesmo com um tendão inquebrável do calcanhar de Aquiles e soprou os dois com uma granada. A morte de Fausto quebrou seus feitiços, restaurando as almas das pessoas em coma, incluindo Geraldine.[6]

Restaurando a alma de Sara Lance

John Constantine se preparando para restaurar a alma de Sara.

Em 2015, John recebeu uma ligação de seu antigo amigo Oliver Queen, pedindo-o para ir até Star City e ajudá-lo a recuperar a alma de sua amiga, Sara Lance. Aceitando o pedido, ele se encontrou com a Equipe Arqueiro e explicou que Sara precisava de uma restauração de alma e não um exorcismo, explicando para Laurel Lance que havia confundido ambos. John também comentou sobre o número de garotas bonitas com quem Oliver havia se cercado, o que as fez sentir um pouco desconfortáveis. Para grande confusão de Felicity, ele pediu uma pena de pavão, que ele usava apenas para coçar as costas. John explicou que o ritual os transportaria para o "outro lado", onde a alma de Sara estava presa, e se transportaria, Oliver e Laurel até lá. Ao entrar, eles descobrem que o local assumiu a forma de Nanda Parbat. John, Oliver e Laurel encontraram Sara presa no Poço de Lázaro. Enquanto John enfrentava um espírito de um membro da Liga dos Assassinos, Oliver e Laurel foram resgatá-la. Todos voltaram para o mundo real, e Sara estava viva novamente. Enquanto saía, Oliver agradeceu-o por sua ajuda, mas John alertou-o que havia sentido magia negra na cidade. Oliver confirmou sua teoria e afirmou que isso era de Damien Darhk. John alertou-o para que Oliver tomasse cuidado com Darhk, recomendando que saísse da cidade por sua segurança.[9]

Inferno

Em Fevereiro de 2016, John foi ao Inferno de algum modo,[10] presumivelmente para cumprir sua promessa de salvar Astra Logue.[4]

Em Maio, John escapou do Inferno. Oliver entrou em contato com Constantine, perguntando um modo de derrotar a magia de Darhk. Em resposta, Constantine recomendou que encontrassem Esrin Fortuna, que entendia melhor da magia utilizada por Darhk e, possivelmente, que poderia ensiná-lo como derrotá-lo.[7]

Em algum momento e por meios desconhecidos, John foi contatado por Lúcifer Morningstar, da Terra-666, para ajudá-lo em uma situação envolvendo Maze. John foi até o universo e conseguiu ajudá-lo, e após isto Lúcifer ficou devendo um favor em retorno para Constantine.[11]

Conhecendo as Lendas

John Constantine se encontrando com Sara na Waverider.

Enquanto exorcizava uma jovem em 2017, John soube que o demônio sabia sobre Sara Lance. Enquanto a mesma deixava Jax, John se infiltrou na Waverider. Ele pediu sua ajuda para solucionar esse mistério, como uma forma de recompensa por ter salvo sua alma dois anos atrás.[12]

Com a ajuda das Lendas, John descobriu que a garota que ajudava era Nora Darhk, que, lentamente, era possuída pelo demônio chamado Mallus. Porém, o segundo exorcismo falhou e Constantine, Sara e Leo Snart foram enviados de volta no tempo por Mallus.[13]

Sara se viu atormentada por visões, cortesia de Mallus. Embora Constantine tenha conseguido expulsá-los, os dois conversaram sobre seu passado e pecados. Os dois flertam um com o outro, levando os dois a fazer sexo. Após o encontro, eles salvaram Leo de ser lobotomizado, e Sara decidiu viajar para o mundo espiritual de Mallus novamente para usar a conexão para ativar o mesmo feitiço de transporte usado para enviá-los ao passado. Eles finalmente voltaram para 2017, no entanto Constantine não pôde salvar Nora quando eles voltaram devido à manipulação emocional de seu pai, que lhe disse que a ordem a ajudaria. Antes de deixar a Waverider, confidenciou a Ray Palmer que, apesar da forte vontade de Sara, ela acabaria sucumbindo a Mallus como Nora. Ele também disse que se isso acontecesse, Ray deveria matá-la.[13]

Em algum momento, ele concedeu informações para a equipe a respeito do Totem da Morte, que estava em posse de Elvis Presley.[14] Ele foi vistado por Ava Sharpe e Gary Green, que pediram sua ajuda para localizar a Waverider após Sara ser possuída por Mallus através do Totem da Morte. Ele foi capaz de encontrar a nave, e foi até o reino de Mallus para restaurar a alma de Sara.[3]

Entrando para uma nova equipe

Após a vitória das Lendas contra Mallus, Constantine, acompanhado por Gary, encontrou a equipe em férias em Aruba. Ele entregou uma cabeça de dragão para a equipe. Após saber que havia sido ideia de Sara libertá-lo, John alertou-os que Mallus não era a única coisa do mal que eles haviam libertado.[15] Após saberem disto, as Lendas passaram 5 meses procurando por tais criaturas mágicas que John os havia alertado. Porém, eles não encontraram nenhuma e acreditaram que John estivera errado. Enquanto isso, Constantine procurava-os por conta própria.[16]

Em algum momento durante estes cinco meses, Constantine foi até Nova Orleans. Em um bar local, ele conheceu Desmond. Ambos tiveram uma conexão e passaram a noite inteira no bar. Apesar da aversão de John em criar conexões emocionais, ele se apaixonou pelo homem. Os dois começaram um relacionamento e logo se mudaram para um apartamento. Não muito tempo depois, John começou a ser caçado pelo demônio Neron, que possuía a alma de Constantine para ajudá-lo a usurpar o Triumvirato e assumir o Inferno. Preocupado pela segurança de seu namorado, John fez com que Dez prometesse ficar fora da cidade até que isto acabasse. Mas sem seu conhecimento, Dez havia feito um acordo com Neron e sua alma foi conectada ao demônio, na esperança de que a vida de John fosse poupada. John soube do acordo quando tentou enviar Neron de volta ao Inferno, onde teve de enviar Dez também. John faz isso, pelo bem do mundo, e mais tarde desmorona de tristeza quando Desmond é jogado no inferno.[17]

Cinco meses após seu encontro com as Lendas, ele contatou Sara e informou-a que o perigo ainda estava por aí. Ele deixou-a ossos encantados, para que pudesse encontrar problemas divinos através da linha temporal. Isto levou-os até Woodstock em 1969, onde um Unicórnio estava causando problemas e causou a aberração chamada "Massacre de Woodstock". Sara pediu a ajuda de John, já que ambos foram atrás do unicórnio enquanto as outras Lendas foram afetadas pelo "gliter" do animal. Os dois entraram em uma discussão, onde John dizia a Sara que não deveria buscar amor e relacionamentos duradouros, pois as pessoas são amaldiçoadas para machucar seus entes queridos, enquanto Sara afirmou que era o próprio personagem de John que o fazia machucar e sair por trás das pessoas que ele amava e, de fato, os entes queridos fortaleceram os heróis por sua conexão. John acabou sendo um instrumento para descobrir a poção e o ritual necessários para desmascarar o lindo unicórnio como um cavalo infernal do pesadelo e depois arrastá-lo para o inferno. Usando Gary Green como isca, John conseguiu exorcizar o unicórnio infernal, às custas do mamilo de Gary. John tentou confortar Gary, brincando que, se sua alma está indo para o inferno, ele encontrará o mamilo de Gary ali mesmo, antes que os dois discutissem sobre problemas de relacionamento pessoal. Mais tarde, John foi convidado a se juntar às Lendas, mas recusou, retornando ao hotel em 2018 e bebendo até dormir. De repente, ele foi atacado por uma força invisível, antes que as letras sangrentas que soletravam "Estou indo atrás de você, Johny" aparecessem no seu espelho.[16]

O ataque de John fizeram-o aceitar a oferta de Sara. Ele invadiu a Waverider mais uma vez, levando consigo uma maleta, e fez um "contrato" com a equipe: benefícios completos, férias pagas e que não usaria as fantasias "ridículas" que a equipe usa em missões em troca para sua ajuda com os fugitivos mágicos. Secretamente, John esperava encontrar um modo de salvar Dez utilizando a nave que viaja no tempo da equipe.[17]

Crise nas Terras Infinitas

Quando a Crise nas Terras Infinitas começou em 10 de Dezembro de 2019, John foi contatado por Sara para que fosse até uma Waverider de uma Terra alternativa onde tentaria ressuscitar a alma de Oliver Queen, que morreu ao enfrentar demônios das sombras na Terra-38 durante sua evacuação, através de um Poço de Lázaro. Ele criou um mapa do multiverso, e revelou que diversas Terras já haviam sido destruídas por causa da antimatéria. Ao lado de Mia Smoak, Barry Allen e Sara, a equipe foi até a Terra-18 para utilizar um Poço de Lázaro, já que todos da Terra-1 foram destruídos por Thea Queen, Nyssa al Ghul e Roy Harper. Eles colocaram Oliver no poço e aguardaram-o sair. Ao sair de lá, Oliver tentou atacar John, mas foi salvo por Barry. Ele tentou atacar Mia, mas foi nocauteado por Sara, que colocou um tranquilizante em seu corpo. Com Oliver desmaiado, Constantine colocou-o em volta de um círculo e recitou um encantamento para trazer sua alma de volta. Mas por conta da antimatéria, John revelou que estava perdendo sua magia e que não seria capaz de trazer sua alma de volta.[18]

John revelou que havia outra forma de restaurar a alma de Queen: ir ao Purgatório e levá-lo até seu corpo. Sara ficou na Waverider tomando conta do corpo de Oliver enquanto Constantine, Mia e John Diggle iam até a Terra-666 se encontrar com Lúcifer Morningstar. Lúcifer entregou-o uma que levaria o trio até Purgatório por tempo limitado, e caso não saíssem de lá até que a imagem da carta desapareça, suas almas ficariam presas. Eles foram ao Purgatório e descobriram que o local havia assumido a forma da ilha Lian Yu, que significa "purgatório" em mandarim. Eles encontraram Oliver, que atacou Diggle e manteve Constantine como refém. Ele se recordou de seus amigos e estava prontos para saírem, mas foi impedido por Jim Corrigan. Jim disse que Oliver estava destinado a se tornar outra coisa, no que Oliver aceitou e Corrigan mandou os três de volta para a Waverider. De volta, John foi para o bar beber. Ele, e as outras pessoas presentes na nave, foi morto quando uma onda de antimatéria destruiu a Waverider após todas as Terras do multiverso serem destruídas.[11]

Após os Paragons e o Espectro enfrentarem o Anti-Monitor, eles recriaram um novo multiverso. John, assim como as outras pessoas mortas pela antimatéria, foi trazido de volta à vida e atualmente reside na Terra-Prime, uma junção da Terra-1, Terra-38 e a Terra-RN.[19]

Personalidade

Tendo testemunhado os horrores do mundo, John é muito cínico e aparentemente despreocupado com o valor da vida humana, muitas vezes desviando seus verdadeiros sentimentos com piadas sarcásticas, até a possibilidade de sua própria morte. Devido ao número de pessoas que morreram ao seu redor, John prefere trabalhar sozinho e com quem trabalha, ele evita o apego, para que não se machuque se forem mortos. Ele também é conhecido por ter um senso de humor muito seco.

John é conhecido por ser brutalmente honesto com indivíduos, até anjos e nunca ter vergonha de expressar sua atração por indivíduos que encontra. Já foi visto algumas vezes que ele expressa abertamente uma atração por Zed Martin, depois de conhecer a Equipe Arqueiro, ele se refere abertamente a todas as mulheres do time, como Laurel Lance, Felicity Smoak e Thea Queen, como "garotas bonitas" , e até flertou abertamente com Leo Snart.

Apesar da visão sombria de John sobre o mundo e o cinismo, ele é um homem muito honrado, pois está sempre presente para os poucos amigos que tem, ajudando Chas a recuperar sua filha de Felix Fausto e ajudando Oliver Queen a restaurar a alma de Sara Lance, ele também colocou um feitiço de proteção em Oliver, apesar de sua recusa em ter apegos a indivíduos quando viu Oliver ter um coração puro. Ele também tem uma forte capacidade de arrependimento e remorso, pois ficou tão impressionado com a culpa depois que Astra foi condenado ao inferno que se colocou no Centro Psiquiátrico de Ravenscar para os Transtornos Mentais e parece expressar alguma gentileza com aqueles que sofreram por causa dele, como ele demonstrou estar tentando consertar consideravelmente Anne-Marie Flynn quando se reuniram, pois ele sabia da dor que infligia nela e da raiva que ela sentia por ele.

No entanto, John é arrogante e confiante demais em seus blefes, a ponto de ter sua moral questionada, como quando ameaçou a vida de uma criança inocente, Diego, para levar Lamashtu (uma das irmãs de Eva) a revelar por que ela estava trabalhando para a família. La Brujeria, que forçou sua ex-amante, Anne Marie Flynn, a matá-lo e deixar John ser comido por um Invunche.

Enquanto a jornada de John para parar a Rising Darkness continuava, ele parecia ter desenvolvido possíveis sentimentos românticos genuínos por Zed Martin, como observado por Manny, que apontou que John estava com ciúmes ao ver Jim Corrigan beijá-la, já que ele parecia estar realmente chocado e chateado ao vê-lo. Ele também admitiu que, devido ao fato de raramente encontrar seres humanos maus, estava incomodado com a La Brujeria, pois eram possivelmente os piores da humanidade, o que o preocupava.

John causou tanta dor àqueles mais próximos a ele que, se houver uma chance de acabar com essa dor, ele a aceitaria, independentemente das consequências. Isso é melhor visto quando os demônios afirmam que libertariam Astra do inferno, se ele parar de interferir em seus planos. Além disso, quando ele voltou no tempo para salvar seu namorado, Desmond foi enviado para o inferno, mesmo que isso pudesse causar danos à linha do tempo.

Poderes e habilidades

Poderes

"Eu sou um feiticeiro bem sucedido, um especialista do ocultismo e mestre do exorcismo. E também sou de Touro, para quem estiver tomando nota."
—John Constantine[fonte]

John Constantine produzindo fogo de suas mãos.

  • Magia: John é um mestre do ocultismo e das artes místicas. Desde sua adolescência, John possuí um vasto conhecimento em magia, misticismo e o sobrenatural. Ele é capaz de utilizar diversas formas da feitiçaria, incluindo a magia negra. John conhece palavras e frases em diferentes línguas antigas, tais como Latim, no qual cita enquanto está performando rituais. Muitos encantamentos lhe dão a capacidade de afetar forças físicas, como o funcionamento interno de mecanismos e os movimentos de outras pessoas, permitindo que ele mova objetos e controle seu movimento e momento com o encantamento apropriado. Apesar de John ser um mestre em feitiços, ele considera a ideia de enfrentar Damien Darhk como "suicida"; implicando que Damien é muito mais poderoso que a si mesmo.
    • Ligação: John é capaz de utilizar sua magia para conectar pessoas a ela.[20]
    • Feitiço de camuflagem: John reconheceu e recitou essa mágica no esconderijo de Felix Fausto.[6]
    • Magia negra: John é conhecido por ser altamente habilidoso nas Artes das Trevas, por conta de ter estudado magia negra desde sua juventude. Seu conhecimento nas Artes das Trevas é frequentemente usado para dissipar feitiços de magia negra, com ele mesmo sabendo como invocar o poder mágico de Deus para dissipar até os feitiços de magia negra de Satanás, como fez para banir um acetato que continha a voz do diabo no inferno.
      • Banimento: John é capaz de banir demônios e seres sobrenaturais para o Inferno através de vários feitiços, além de abrir um portal para levá-los até lá.
      • Fobicinesia: Com a ajuda de Neron, Constantine agora é capaz de usar o medo para alimentar sua magia negra a ponto de abrir um portal para o inferno do qual as pessoas podem voltar; anteriormente, ele só conseguia abrir portais que poderiam enviar pessoas para o inferno, mas não passar do outro lado.[21]
      • Necromancia: John mencionou que havia mestrado necromancia em sua adolescência. Com a ajuda do Papa Meia-noite, ele foi capaz de permitir que espíritos dos mortos fossem para o pós-vida. John também é capaz de restaurar a alma de uma pessoa para o seu corpo, como revelado quando restaurou a alma de Sara Lance.[9] Ele também realizou um ritual para reanimar temporariamente e falar com os mortos no necrotério de Chicago usando o artefato Mão da Glória.[8]
      • Reanimação: Quando estava sendo atacado, John reanimou um cadáver para distrair seu atacante e poder fugir.
      • Invocação: John pode invocar diversas entidades, além também de controlá-las. Ele já invocou demônios para enfrentar outras criaturas em seu lugar.
    • Feitiço de duplicidade: John utilizou este feitiço para esconder a localização da casa de Jasper Winters.[6]
    • Exorcismo: John consegue exorcizar espíritos, demoníacos ou fantasmagóricos, para fora de seu hospedeiro. Esta é uma das habilidades primárias de John.
    • Glamour: John é capaz de utilizar sua magia para disfarçar sua aparência e tornar-se irreconhecível para outras pessoas.[22]
    • Viagem interdimensional: Junto de Ritchie Simpson, John soube um encantamento que permitia-o viajar para a realidade de Jacob Shaw.[23] John também citou um ritual que levaria a si mesmo, Oliver Queen e Laurel Lance ao mundo dos espíritos para resgatar a alma de Sara Lance.[9] Ele também usou esta habilidade para ajudar Ava Sharpe e Gary Green localizar Sara através do espaço-tempo, além de poder ir ao reino espiritual de Mallus.[3]
    • Transferência de força vital: John é capaz de recitar um encantamento que permite transmitir uma porção de sua força vital para alguém.
    • Magia da luz: Embora toda a extensão de sua experiência seja desconhecida, John é capaz de utilizar magia branca e, aparentemente, possuí um bom conhecimento de como manuseá-lo. Ele foi capaz de dar uma tatuagem mágica a Oliver, que permitiu-o canalizar esta magia para enfrentar Darhk. Ele é proficiente o suficiente em magia da luz para ser capaz de subjugar um demônio tão poderoso quanto Neron quando estava desprevenido com facilidade.
      • Amokinesis: Com a ajuda das lendas e de todas as outras pessoas, John aprendeu a usar o amor para alimentar sua magia de luz. Como tal, usando o amor que as Lendas tinham por Nate Heywood, ele foi capaz de gerar magia suficiente para trazê-lo de volta.[22]
    • Círculos mágicos: John utiliza círculos mágicos que podem ser utilizados em rituais ou armadilhas para certas criaturas, como quando ele fez um círculo mágico para prender um demônio e enviá-lo de volta ao inferno.[4]
    • Feitiço de proteção: John ensinou a técnica do Olho de Hórus, um símbolo egíptico, a Chas Chandler para proteger o apartamento de Liv Aberdine.[4] John também usou um feitiço brittônico para dar a Chas Chandler a capacidade de ressuscitar dos mortos, mas apenas um certo número de vezes.[6] Ele também mencionou que poderia esconder Liv de demônios com um feitiço especial.
    • Piromancia: John possuí o poder do fogo, como mostrado quando ele foi capaz de criar uma pequena bola de fogo de sua mão, bem como quando acendeu suas mãos com um isqueiro, e não sofreu efeitos prejudiciais por suas mãos estarem envolvidas em chamas.[4] John também foi capaz de disparar rajadas de fogo.
      • Geração de calor: John foi capaz de usar um feitiço de aquecimento em uma porta para impedir que os agentes o seguissem e as Lendas.[20]
    • Feitiço de revelação: John usou vários feitiços reveladores e dissipadores.[6][23]
    • Feitiço do sono: John utilizou este feitiço para fazer Zed Martin dormir.
    • Telecinese: John utilizou sua telecinesia para fechar e trancar uma porta.[8] John também utilizou este poder para segurar uma manifestação de um membro da Liga dos Assassinos, suspendendo-o no ar antes de matá-lo com uma espada.[9]

Habilidades

  • Conhecimento do ocultismo: John adquiriu um vasto conhecimento do sobrenatural. John é o mestre das artes das trevas, e bem versado em demonologia. Ele esteve estudando estas artes desde sua adolescência.
  • Alquimia: John é altamente capaz de criar poções encantadas cujos feitos são mágicos. Ele foi capaz de criar uma poção que, temporariamente, transformaria Sara e Ava em crianças.[24]
  • Detetive: John é um detetive ágil, especializado em investigações paranormais.
  • Vigarista: John tem uma reputação bem conhecida de ser um vigarista.
  • Artista especialista em fugas: John mostrou que pode se libertar sem esforço das algemas ao ser interrogado por Jim Corrigan.
  • Entomologia: John conseguiu reconhecer imediatamente os besouros Khapra, o que implica que ele conhece insetos e pode diferenciá-los muito bem.
  • Consciência extra-sensorial: John teve uma sensação desconfortável quando chegou a Star City, o que Oliver imediatamente afirmou que era por causa de Damien Darhk. Ele também foi capaz de sentir a presença de Astra quando ela se projetou invisivelmente do inferno para espioná-lo.
  • Multilinguismo: John consegue performar feitiços em Italiano, Acadiano e em Hebraico, então pode-se presumir que ele é fluente nestas línguas. Pode-se presumir também que ele conhece Árabe e Sânscrito, pois foi capaz de ler textos escritos em ambas as línguas.

Fraquezas

  • Antimatéria: Após o ritual para recuperar a alma de Oliver falhou, Constantine revelou que a antimatéria pode bloquear os efeitos da magia.[18]
  • Câncer de pulmão: Após Astra utilizar sua moeda de alma para acelerar seu câncer de pulmão em 10 anos, isto o fez cair no chão e sangrar. Em outras palavras, ele estava morrendo. Após fazer um acordo com Astra, o câncer de pulmão de Constantine desapareceu, mas isto não significa que ele não voltará neste período de 10 anos.[25]

Aparições

Constantine


Arqueiro

4ª Temporada

Lendas do Amanhã

3ª Temporada

4ª Temporada

5ª Temporada


Batwoman

1ª Temporada

Flash

6ª Temporada

Galeria

Imagens promocionais

Constantine

Curiosidades

  • Constantine deverá morrer em 2030 por conta de seu câncer de pulmão,[26] mas parou de fumar.[27] Porém, de acordo com Astra, o câncer já está em seu pulmão,[25] então parar de fumar, neste instante, não o ajudará a sobreviver.
    • É possível que Constantine queira utilizar o Tear do Destino para se livrar de seu câncer.
  • Constantine tenta genuinamente evitar as pessoas às quais ele deve uma dívida, aparentemente tendo merecido pelo menos um soco na cara pela última vez que conheceu essas pessoas.
  • Ele literalmente fez um acordo com o diabo, especificamente Lúcifer Morningstar da Terra-666.[11]
  • Ele não gosta de Doctor Who.[3]
  • Ele não tem um celular.[3]

Por de trás das cenas

  • Na continuidade das histórias da DC Comics, John Constantine é um feiticeiro e investigador altamente conhecido. Ele apareceu como um personagem recorrente em Monstro do Pântano, logo ganhando sua própria história em quadrinho, a Hellblazer.
  • Diferente de sua versão original, onde seu nome é pronunciado como "Constan-tine" (rimando com a palavra em inglês fine), esta versão do personagem é chamado de "Constan-teen".

Referências

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.