Arrowverso Wiki
Advertisement
Para ver o equivalente da Terra Dois, veja Laboratórios S.T.A.R. (Terra Dois).
Para ver o equivalente da Terra Dezenove, veja Laboratórios S.T.A.R. (Terra Dezenove).

Laboratórios S.T.A.R. (Laboratórios Avançados de Pesquisas Cientificas e Tecnológicas), é uma companhia de pesquisa e desenvolvimento localizado principalmente em Central City. Sua maior e mais notável inovação: o acelerador de partículas que inadvertidamente lanço uma onda maciça de matéria escura que criou inúmeros metahumanos. Grande parte das suas instalações desde o acidente estão inativos e o resto atualmente serve como uma prisão de metahumanos e como base de operações para a equipe de Barry Allen.

História

Em 2000, Harrison perdeu sua noiva, Tess Morgan, planejaram abrir um laboratório; Harrison desenhou o exterior que ele queria, e Tess sugeriu o nome, substituindo o que Harrison queria inicialmente (Tess Morgan Engenharia Tecnológica e Estudos Cientificos). Infelizmente, antes que o casal pudesse ver seu sonho realizado, Eobard Thawne orquestrou um acidente de carro. Embora o casal não tenha sobrevivido para ver o laboratório em seu auge, o laboratório de fato herdou o nome e a estrutura arquitetônico que eles queriam.[1]

Sob o controle de Thawne, os Laboratórios S.T.A.R. desenvolveram um acelerador de partículas, que se destinava para a criação de novos métodos de energia, a pesquisas científicas e medicina (Mas, na verdade, "Wells" secretamente sabotou o acelerador para explodir e antecipa a criação do Flash antes do que naturalmente ocorreria). Foi ativado em 11 de dezembro de 2013. Ele foi fortemente aguardado por muitas pessoas, incluindo Barry Allen. 45 minutos após ter sido ligado, se tornou instável, o que resultou na explosão do acelerador de partículas, lançando uma onda de matéria escura que não só destruiu uma parte da instalação em si, mas também causou a morte de dezessete pessoas e feriu muitas outras. Mais tarde foi revelado que alguns dos que foram expostos à matéria escura ficaram em coma e acordaram com habilidades sobre-humanas. Essas pessoas foram classificadas como "meta-humanos" por Cisco Ramon. Após a explosão, o laboratório foi classificado como classe 4 de risco e desde então não está plenamente operacional, "Wells" perdeu a sua reputação como cientista; muitos meta-humanos e as pessoas o responsabilizaram pelo o que aconteceu. "Wells" não perdeu apenas sua reputação, ele também fingiu ter perdido a capacidade de andar na explosão para evitar suspeitas futuras de que ele era o Flash Reverso ou mesmo um velocista. A companhia estava em mau estado após o acidente, incapazes de competir com outras empresas entrou em falência e em um desligamente quase que completo.[2]

Funcionários conhecidos

Funcionários atuais

Funcionários anteriores

Subsolo dos Laboratórios S.T.A.R.

Cofre do Tempo

O Cofre do Tempo aparece no modelo 3D de Cisco dos Laboratórios S.T.A.R.

Chamada de "Cofre do Tempo" por Cisco, Eobard nessa sala escondida, manteve o seu uniforme de Flash Reverso e armazenou Gideon. Essa sala apareceu em um modelo esquemático 3D do Cisco dos Laboratórios S.T.A.R.[3]

Referencias

  1. Erro de citação: Marca <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas Tricksters
  2. "Pilot"
  3. "Who is Harrison Wells"
Advertisement