FANDOM


Para outras personagens portadoras do título de "Canário", veja Canário.
Para ver outras versões da personagem, veja Laurel Lance (desambiguação).
Laurel Lance
Civil - Canário Negro

Laurel Lance (Terra Dois)

Informação
Ocupações Pré-Crise

Promotora
Vigilante
Criminosa (antigamente)
Líder de seu grupo (anteriormente)
Membro da cabala criminosa de Cayden James (anteriormente)
Membro da equipe da Prometheus (anteriormente)
Tenente no grupo do Zoom (anteriormente)
Pós-Crise
Vigilante (em segredo)

Estado atual Viva
Família Descohecido (pai; falecido)
Desconhecida (irmã)
Universo de origem Terra-2
Intérprete Katie Cassidy
Alter ego Sereia Negra (anteriormente)
Alter ego Canário Negro
Fonte
Laurel Lance é uma meta-humana reformada, que originalmente foi uma criminosa mas tornou-se promotora e, em seguida, uma vigilante. Originalmente da Terra-2, Laurel foi uma cidadã de Starling City e Central City. Ela é a filha de um homem desconhecido, irmã de uma mulher desconhecida, tia de uma criança desconhecida e a antiga namorada do falecido Oliver Queen. Exposta a matéria negra do acelerador de partículas de Harrison Wells, Laurel ganhou a habilidade de gritar em alta frequência. Despedaçada pela morte de seu pai e namorado, Laurel optou por utilizar seus poderes para o mal, adotando o codinome de Sereia Negra e tornando-se uma das líderes de um grupo meta-humano liderado pelo velocista Zoom.

Laurel foi levada à Terra-1 para participar do Metapocalypse, lutando pessoalmente contra Barry Allen/Flash até ser derrotada pela Equipe Flash e presa no pipeline dos Laboratórios S.T.A.R. Um ano e meio depois, ela foi libertada por Adrian Chase/Prometheus, ajudando-o em sua vingança contra Oliver Queen/Arqueiro Verde, culminando na explosão de Lian Yu. Sobrevivendo, ela foi resgatada por Cayden James e uniu-se à sua cabala até sua morte por Ricardo Diaz, evento no qual levou a separação do grupo. Porém, Laurel revela-se ao público (fingindo ser sua falecida contraparte da Terra-1) para proteger-se se Diaz.

Em uma tentativa de proteger à si mesma e a contraparte de seu pai da Terra-1, ela se uniu a organização criminosa de Diaz, atuando como uma agente na Equipe Arqueiro e permitindo-se tornar intima de Diaz. Porém, Laurel o traiu a favor de Quentin e Oliver, por conta de seu afeto ter aumentado por ambos. Ela ficou devastada ao ver Quentin, no qual considerava-o como seu pai e ele como sua filha, morrer após salvá-la de Diaz. Após Oliver ser enviado a prisão, Laurel se tornou a nova promotora de Star City, substituindo Sam Armand. Ela mantêm uma relação com a Equipe Arqueiro, especialmente com Dinah. Através do tempo e durante sua busca por Diaz, ela se tornou amiga de Felicity Smoak.

Laurel retornou às suas atividades criminosas após Emiko Adachi culpá-la de homicídio, mas foi capaz de conseguir sua redenção com a ajuda de Sara Lance, Dinah Drake e Felicity. Decidindo retornar à Terra-2 para corrigir seus erros, Felicity entregou para Laurel o traje de sua sósia, permitindo-a tornar-se a Canário Negro de seu universo. Em seguida, ela retornou novamente à Terra-1 para ajudar Oliver e a Equipe Arqueiro na batalha final contra o Nono Círculo. Algum tempo depois disto, a Terra-2 foi completamente destruída pela antimatéria, e então Laurel foi forçada a retornar para a Terra-1, vivendo neste universo como uma refugiada.

Biografia

Pré-Crise

Vida anteriormente

Laurel Lance nasceu em Starling City, sendo filha de um homem e mulher sem nomes. Pouco é conhecido sobre sua vida, mas é deixado em aberto de que ela tinha uma irmã mais nova.[1] Durante sua infância, seu pai trabalhava muito, algo que Laurel odiava. Em seu 13º aniversário, ele voltou para casa sem seu bolo favorito da padaria Carlye's, sua padaria favorita. Irritada, Laurel disse a ele que o odiava; sendo estas suas últimas palavras para ele. Seu pai voltou para buscar o bolo, mas foi morto em um acidente de carro causado por um motorista bêbado chamado Brett Collins.[2] Laurel foi informada do acidente através de um telefonema na mesma noite, deixando-a devastada e traumatizada, e como consequência, crescendo sem um pai.[3]

É deixado de Laurel foi uma 'garota má', usando sua beleza para conseguir tudo o que queria.[4] Além de ser uma adolescente problemática por muitos anos. Laurel nunca conseguiu algum emprego ou formação[5], enquanto sua irmã engravidou e começou sua própria família, tornando Laurel tia.[1]

Em algum momento em sua juventude, Laurel conheceu Oliver Queen e os dois se apaixonaram. Laurel também conheceu e ficou próxima de sua irmã mais nova, Thea.[6] Em 2007, quando Oliver foi ao mar com seu pai Robert, o navio afundou e Robert foi o único sobrevivente. Isto deixou o coração de Laurel despedaçado, fazendo-a se mudar para Central City e começar uma nova vida. Porém, ela nunca foi capaz de superar as mortes de seu pai e Oliver. Então, ela começou a fazer decisões ruins.[7]

Trabalhando com Zoom

Se tornando Meta-humana

Em 11 de Dezembro de 2013, Laurel foi uma das várias pessoas afetadas pela explosão do acelerador de partículas de Harrison Wells[8], por conta de estar gritando por motivos desconhecidos (como mostrado por Dinah Drake)[9], ela ganhou poderes de poder emitir gritos sônicos.

Após descobrir seus poderes, Laurel confrontou Brett Collins, o motorista bêbado que havia matado seu pai, e usou seus poderes contra o homem, lançando-o para atrás do carro. Embora o homem tenha sobrevivido e morreu alguns meses depois, Laurel acreditou, por anos, de que ela havia o matado, fazendo-o ser sua, suposta, primeira vítima.

Após isto, Laurel usou seus poderes para uso pessoal, tornando-se a criminosa conhecida como "Sereia Negra". Após isto, ela se uniu ao exército de Hunter Zolomon/Zoom. Em algum momento, Laurel se tornou uma tenente de alto comando, ganhando respeito total de Zoom, podendo conversar com ele sem sua máscara. Isto fez com que Laurel fosse a única individua da Terra-2 em estar ciente da identidade de Hunter e de sua decepção como "Jay Garrick/Flash". Laurel também esteve associada com Francisco Ramon/Reverb e Caitlin Snow/Nevasca, estando ciente do desejo de Reverb em tomar o controle de Zoom, embora nunca tenha o levado seriamente.[8]

Invadindo a Terra-1

Para ser adicionado.

Trabalhando com Prometheus

Personificando "Laurel Lance"
Para ser completado.
Prometheus e Sereia Negra

Prometheus liberta Laurel do Laboratório S.T.A.R., como visto na filmagem do vídeo de segurança dias depois após o ocorrido.

Em Dezembro de 2016, Laurel foi visitada no pipeline por Adrian Chase/Prometheus sem disparar nenhum alarme dos Laboratórios S.T.A.R., prometendo-a liberdade caso ajudasse-o em sua vingança contra o Arqueiro Verde, o Oliver Queen da Terra-1. Agradecida por ser libertada, Laurel concordou em seguir suas ordens e os dois saíram sem deixar nenhum rastro, com a Equipe Flash descobrindo sua fuga três dias depois. Adrian enviou Laurel à Star City para se infiltrar na Equipe Arqueiro e impersonificar sua contraparte da Terra-1 para destruir o emocional de Oliver. Laurel hesitou após descobrir que uma das pessoas que Adrian quer vingança é Quentin, a contraparte de seu pai da Terra-1, mas Adrian prometeu poupá-lo se ela completasse suas ordens. Entrando na personagem, Laurel pintou seu cabelo para a cor de sua contraparte para assemelhar-se à ela e descobrindo, provavelmente através de Adrian, sobre a Waverider e as Lendas. Ela também descobriu outras informações vitais sobre a vida de sua contraparte, como seu relacionamento com Oliver e a traição com sua irmã, Sara.[7]

Laurel (T2) conhecendo Oliver Queen

Laurel se "reencontra" com Oliver, fingindo ser sua contraparte da Terra-1.

Quando Oliver retornou ao bunker, Laurel esteve esperando por ele.[10] Laurel contou uma história a Oliver e Felicity Smoak, dizendo que Sara havia a transportado à Waverider antes de "sua morte", salvando-a e deixando-a no presente sem causar nenhuma aberração. Ela também contou sobre a recaída que Quentin teve de volta ao alcoolismo. Felicity propôs uma festa para celebrar o "retorno" de "Laurel", na festa, ela se "reencontrou" com Thea Queen e foi apresentada aos novos recrutas, Rene Ramirez/Cão Raivoso, Rory Regan/Ragman e Curtis Holt/Sr. Incrível. Enquanto bebiam, Laurel quase cometeu um deslize ao tomar vinho ao invés de refrigerante, se lembrando por segundos que sua contraparte era uma alcoólatra.

Laurel atacando Oliver, Felicity e Rory

Laurel ataca Oliver, Felicity e Rory após seu disfarce ser descoberto.

Porém, Laurel retornou ao bunker após Felicity perceber a dura realidade. Expressando alívio após ser descoberta, Laurel atacou Felicity e Rory, expressando desapontamento por não ouvir ambos gritando por conta da potência de seus poderes. Antes de matá-los, Oliver deteu-a, ficando surpreso ao ver "Laurel" atacando seus amigos. Ela usou seus poderes em Oliver e escapou.

Laurel chamou Oliver e se desculpou por atacá-lo, dizendo que Prometheus estava a forçando em fazer aquilo. Oliver ofereceu ajuda e prometeu escutá-la em seu encontro na estátua da falecida Canário Negro. O Arqueiro Verde pareceu incrédulo sobre a história contada por Laurel, com a mesma continuando em insistir em estar sendo forçada em fazer aquilo. No momento em que foi oferecida ajuda à Sereia Negra, Ragman, Cão Raivoso e Sr. Incrível atacaram-a, e durante o confronto, a estátua de Canário Negro foi destruída. Porém, o Arqueiro Verde usou tranquilizantes para nocauteá-la.[7]

Sequestrando os entes de Oliver

Algum momento depois após Adrian ser preso, ele conseguiu fazer com que Laurel fosse libertada da A.R.G.U.S., fazendo com que Evelyn Sharp subornasse um dos guardas. Laurel e Evelyn, em conjunto e Talia al Ghul e seus assassinos, sequestraram Dinah Drake e Rene Ramirez de seus apartamentos, e em seguida sequestraram Curtis após o mesmo procurar por Dinah. Talia enviou Laurel e Evelyn à uma localização da A.R.G.U.S., onde Thea Queen e Quentin Lance estavam sendo mantidos. Laurel, mais uma vez, personificou sua contraparte da Terra-1.

Sereia Negra e Quentin

Laurel conversa com Quentin, a contraparte da Terra-1 de seu pai.

Laurel e Evelyn levaram Thea e Quentin a um lugar, onde foram mantidos em cativeiro. Quando Thea, sarcasticamente, questionou onde iam, Laurel respondeu dizendo que era uma "surpresa". Laurel então, sarcasticamente, chamou Quentin de "Pai", embora o mesmo tenha pedido para não chamá-lo daquele jeito. Ela perguntou se as amarras estavam apertadas, dizendo a ele que isto não era fácil para ela, porém, Quentin não mostrou-se acreditar na história de Laurel. Ela explicou que ela está ajudando Adrian por conta do mesmo possuir sua liberdade em suas mãos e de sua promessa em não machucar Quentin, dizendo que sua vida seria poupada de sua vingança. Quentin riu, dizendo que Laurel não seria estúpida o suficiente para acreditar nas palavras de Adrian. Laurel concordou, sabendo que ele amava sua filha e que foi difícil vê-la partir.

Após receber uma ameaça envolvendo seu filho, William Clayton, Oliver libertou Adrian. Laurel viajou à Lian Yu com os integrantes da Equipe Arqueiro capturados, esperando a chegada de Oliver.[11]

Batalha final em Lian Yu

Em Lian Yu, Laurel atuou como a parceira de Adrian, sendo encarregada de lidar com os prisioneiros e patrulhar o local, com alguns membros do culto de Talia a seu lado. Ela levou Quentin e John Diggle até Dinah e Rene. Quando Diggle a questionou de porque ajudar um homem que mal conhece em sua vingança contra outro homem que ela mal conhece, Laurel respondeu que Adrian havia a libertado, enquanto ela não devia nada para Oliver.

Laurel continuou sua patrulha, surpreendendo-se ao ver Slade Wilson nocautear Oliver e entregá-lo. Ela carregou Oliver até os prisioneiros restantes. Porém, isto tudo foi fingimento de Oliver e Slade para libertar a Equipe Arqueiro e fugirem. Enquanto fugiam, eles são confrontados por Adrian, Laurel e um exército.

Uma batalha se iniciou, e Laurel enfrentou pessoalmente Dinah. As duas mulheres enfrentaram-se fisicamente até que ambas utilizaram seu grito sônico, nocauteando-as. Laurel foi jogada ao chão, enquanto Dinah arremessada em uma estante. Dinah tentou levantar, mas foi impedida por Laurel que a zombou por tentar "substituí-la". No momento em que Laurel daria seu golpe final em Drake, ela foi nocauteada por Quentin. Laurel foi deixada na ilha, com ela sendo explodida logo em seguida após a morte de Adrian.[12]

Laurel foi capaz de sobreviver a explosão. Quando Dinah e Quentin foram buscar por sobreviventes, Laurel emboscou-os e segurou uma faca próxima a garganta de Dinah. Laurel pretendeu matá-la, dizendo que ela estaria "muito morta para se importar". De repente, Lance é baleada em seu estômago por Quentin, ela cai e todos acreditam que ela estava morta. Algum tempo depois, Laurel foi resgatada por um associado de Cayden James. Em troca, ela concordou em ajudar Cayden em sua agenda.[13][3]

Trabalhando com Cayden James

De volta à Star City

Para ser adicionado.

Em dúvida

Para ser adicionado.

Trabalhando com Ricardo Diaz

Tornando-se "Laurel Lance"

Para ser adicionado.

Se aproximando de Diaz

Para ser adicionado.

Mudança de aliança

Enxergando as verdadeiras intenções de Diaz

Para ser adicionado.

Se voltando contra Diaz

Para ser adicionado.

Perdendo outro pai

Para ser adicionado.

Caminho a redenção

Promotora de Star City

Para ser adicionado.

Sendo perseguida

Para ser adicionado.

Entrevistada

Para ser adicionado.

Investigado Emiko Adachi
Para ser adicionado.
Tornando-se a Canário Negro
Laurel e as heroínas

Laurel decide se tornar uma heroína.

Após perceber que Laurel não tinha intenções de matar, mas simplesmente se sentia sozinha e abandonada, Sara a visitou no túmulo de Quentin, dizendo que redenção não é um destino, mas uma jornada, e que ela ainda poderia se tornar uma heroína. Apesar de ser tocada pelas palavras de Sara, Laurel disse que era tarde demais para ela, e que iria roubar uma arma letal. No lugar do roubo, Felicity aparece e diz que ela não precisava ser o "legado da Terra-1" ou fazer o que a Laurel desta Terra faria, mas fazer o que a Laurel da Terra-2 quer. Laurel disse para Smoak sair de seu caminho, com Felicity respondendo que, se ela quiser roubar uma arma que matará a todos, ela teria de matá-la primeiro. Incapaz de matar seus amigos, Laurel decidiu parar sua carreira criminosa após se virar contra a Ladra das Sombras, que revelou à Laurel, Sara, Dinah e Felicity que já esperava pro isto. Diversos mercenários apareceram e começou a atirar nas quatro. Após uma pequena luta, Felicity detona a arma, explodindo o prédio, mas todas as mulheres escapam, dizendo que elas são mais fortes juntas, e Felicity sugerindo que elas são como as "Aves da Justiça"

Apesar de Felicity ter limpado o nome de Laurel, com Dinah dizendo que ela esteve disfarçada, Laurel optou por escolher um novo caminho: voltar à Terra-2 por enquanto. Antes de partir, Felicity entregou o antigo traje de Canário Negro da Laurel da Terra-1, sugerindo de que Laurel tornasse a Canário Negro da Terra-2. As duas se abraçaram, com Laurel dizendo que espera ser digna deste manto algum dia.

Antes de partir, Laurel visitou o túmulo de Quentin mais uma vez, onde se encontrou com Sara. As duas conversaram sobre a saudades que Quentin faz, com Laurel dizendo que gostaria que ele soubesse o quanto ela é grata pelo seu suporte; Sara garantiu de que ele sabe. Após Sara dizer que Laurel não estava mais sozinha, ela sorriu.[1]

Enfrentando o Nono Círculo

Para ser adicionado.

Preparando-se para a Crise

Destruição da Terra-2

Laurel ficou surpresa ao ver Oliver em sua Terra, intervendo em uma luta entre Queen e o Capuz. Oliver ficou surpreso ao descobrir que Laurel se aliou a Adrian Chase, mas Laurel explicou sua aliança, dizendo que este Adrian não é igual a sua contraparte da Terra-1. Descobrindo que o Arqueiro Negro havia roubado partículas de uma estrela anã, Oliver assumiu que Malcolm era, assim como em sua Terra, tal vilão, mas Laurel disse que ela e Adrian descartaram esta opção meses atrás, coisa no qual Oliver pensou ter sido um erro. Oliver, Laurel, Adrian e Diggle entraram em confronto com o Arqueiro Negro, no qual Oliver descobre que seu meio-irmão, Tommy, é tal vilão. Quando confrontado, Tommy é capaz de ganhar de Oliver, por conta da ajuda de seu guarda-costas Rene e da policial corrupta Dinah. Tommy explica que ele culpa o Glades pela morte de Thea, e que usaria as partículas da estrela anã para causar um terremoto. Oliver escapa e o confronta no terraço, no final Oliver é capaz de impedir Tommy, fazendo-o se arrepender de suas ações.

Laurel vendo a destruição da Terra-2

Enquanto chamava por Oliver, Laurel assistia a destruição da Terra-2

Após Oliver entregar Tommy às autoridades, Laurel entra na delegacia anunciando que a cidade estava sendo atacada. De repente, a delegacia começa a ser invadida por fortes luzes, que, aparentemente, "incinerava" o local. Na verdade, isto era uma onda de antimatéria, uma poderosa força que é capaz de destruir universos. Utilizando um dispositivo de Cisco, Diggle abre um portal e o atravessa. Oliver então assiste as mortes de Dinah, Rene, Tommy e Moira. Momentos antes de Laurel ser pega também, Oliver a apressou para ir ao portal, levando-a consigo de volta à Terra-1, fazendo ela uma das únicas sobreviventes, conhecidas, da Terra-2.[14]

Tentando voltar para casa
Laurel, Oliver e John em Hong Kong

Laurel, John e Oliver em Hong Kong

Através do portal, Laurel, John e Oliver foram teleportados para um prédio, onde enfrentaram uma gangue local. Após derrotá-los, eles saíram do prédio e notaram que estavam em Hong Kong. Após ser informada do destino de sua Terra, Laurel demandou que Oliver a entregasse o extrapolador interdimensional e, furiosamente, tentou abrir um portal para seu universo, no qual fracassou. Sobrecarregada por suas emoções, Laurel deixou seus aliados e foi atrás de encontrar outra maneira de retornar para casa.

Laurel foi até um esconderijo de David Chin, um expert em tecnologia e afiliado de Cayden James. Após inúmeras tentativas falhas de entrar, Laurel recebeu a ajuda de Lyla Michaels, esposa de John que foi enviada para ajudá-la. No esconderijo, Laurel demandou que David concertasse o dispositivo, no qual acreditava estar quebrado. Ao terminar, Lyla tentou utilizá-lo para abrir uma brecha, mas falhou. David então disse que, ao ver a tela do computador, a Terra-2 havia desaparecido. Laurel apontou sua arma para David, devastada ao descobrir sobre o sumiço repentino de sua casa, e fugiu do local junto de Lyla após uma sirene tocar. Em um local seguro, Lyla atuou como o porto-seguro de Laurel, ajudando-a superar a destruição de sua Terra, convencendo-a a honrar os mortos daquele universo ao continuar lutando e salvar as pessoas da Terra-1.

Com isto em mente, Laurel, ao lado de Lyla, ajudou Oliver, Tatsu Yamashiro e John em sua luta contra Chien Na Wei e sua gangue. Laurel foi capaz de salvar Tatsu, que estava ferida, ao usar seu Grito da Canário e arremessar Chien na água. Após isto, ela concordou em ajudar Oliver em suas missões pelo Monitor.[15]

Algum tempo depois, Laurel retornou à Star City para ajudar Dinah e Oliver a salvar Mia Smoak, Connor Hawke e William Clayton de uma armadilha feita por Grant Wilson e sua gangue. Depois, a futura Equipe Arqueiro confessa aos outros, incluindo Laurel, sobre o pesadelo que Star City têm passado em 2040, assim como JJ Diggle é o futuro líder da gangue dos Exterminadores e da morte de Zoe Ramirez pelo mesmo. Uma grande tensão foi posta em todos, fazendo com que Mia fosse atrás do Exterminador sozinha. Oliver tentou impedi-la de cometer um erro fatal, fazendo com que ambos tenham uma discussão. Laurel decide se intrometer, acalmando os dois e dizendo que acompanharia Mia.

Investigando, Laurel revelou que sabia que Mia pretendia matar Grant Wilson. Apesar de dizer que não tentaria detê-la, por ela ser uma mulher adulta, Laurel revela que tem um grande passado sobre vingança, e após fazê-la não se sentiu melhor. Ela também revelou que preveniu que sua mãe, Felicity Smoak, matasse Ricardo Diaz, feito no qual Felicity é agradecida até hoje. Depois, Laurel tomou parte no confronto contra os vilões para impedir um futuro ataque, infiltrando-se no esconderijo, ao lado de Connor, Curtis e William, para desarmar uma bomba embaixo da cidade. No dia seguinte, ela conversou com Rene e Dinah sobre suas ações que podem, ou não, ter mudado o futuro, declarando que nem tudo do futuro foi ruim e que deveriam se concentrar nas partes boas. Dinah concordou em antecipar a criação das Canaries.

À noite, Laurel jantou com Dinah no DPSC, ensinando-a mergulhar suas batatas fritas em um milkshake do Big Belly Burger. Após isto, ela saiu do prédio e se encontrou com Mar Novu, que propôs a restauração da Terra-2 caso Laurel traísse Oliver Queen.[16]

Oferta de Mar Novu

Na noite seguinte, Laurel encontrou-se com Lyla, e descobriu que a segunda trabalhava junto com o Monitor e a acusou de ajudá-lo a destruir o multiverso, apesar de Michaels declarar que ele estava tentando, de fato, salvá-lo. Lyla disse sobre um projeto em testes, e mandou-a roubar esta arma antes de Oliver. Antes de sair, Laurel relembrou Lyla de que ela está fazendo o papel de vilã ao invés dela.

Laurel, Oliver, Mia e William foram à Rússia procurar por Anatoly, que havia retornado para o país e se tornou o dono de um bar. Usando suas antigas conexões, ele foi capaz de encontrar o general Alexi Burov em um clube de luta da Bratva, então Laurel, Oliver e Anatoly foram até ele pessoalmente para conversar sobre a arma que estava trabalhando, um gerador de ondas. Oliver concordou em lutar para conseguir os planos, e, enquanto lutava, Anatoly e Laurel assistiam. Ele disse para Laurel que ainda não confiava nela. Membros da Bratva sequestraram Oliver e Mia, então Laurel e Anatoly, junto de William, foram resgatá-los.

Após isto, Laurel conversa com Mia, que revelou que admirava Lance e outros heróis por conta de suas lendas e de, constantemente, tentar aprender com eles. Apesar do elogio, Laurel disse para a jovem Queen que ela deveria viver por si mesma.

Laurel, Oliver e Diggle confrontando Lyla

Laure, Oliver e Diggle confrontando Lyla

Antes de partir, Anatoly se desculpou com Laurel sobre duvidar dela. Ela então confessou para Anatoly sobre tudo, especialmente a oferta do Monitor. À noite, Laurel foi a um terraço para se encontrar com Lyla, revelando que recusou a oferta do Monitor. Ela também revelou que Oliver e Diggle também estavam lá, e após demandarem explicações, os três foram nocauteados por dardos tranquilizantes.[17]

Despedindo-se de Quentin

Após isto, Laurel acordou no bunker e descobriu que estava presa em um loop do tempo, que se reiniciava toda vez que Quentin Lance morria. Ela se encontrou com Oliver, que explicou a situação para ela e, pela terceira vez, o tempo se reiniciou. Eles foram até um baile de gala onde se encontrou com Quentin, e abraçou-o e explicou a situação ara ele também. Após salvá-lo de uma explosão, ele foi morto por mercenários, e novamente o loop se reiniciou.

Última vez vendo Quentin

Laurel têm sua última chance de se despedir de Quentin.

Depois, Laurel levou Quentin ao bunker e confessou que ele morreu salvando sua vida um ano atrás, coisa no qual ele comentou e disse que valeu apena. Após Oliver encontrar o esconderijo dos mercenários, eles foram pegos por uma explosão e Quentin foi morto por Lyla. No próximo loop, Oliver, Laurel e Quentin encontraram o responsável por contratar os mercenários. Durante a briga, Quentin foi pego no fogo-cruzado e levou um tiro em seu peito. Antes dele partir novamente, Laurel agradeceu por não ter desistido dela e por tê-la salvado, dizendo que ele é o motivo na qual está tentando se tornar uma heroína e se redimir por seus erros. Em seu último suspiro, Quentin disse que ela já era uma heroína antes, e que está orgulhoso dela.

Após conseguir o que sempre desejou, uma última chance de se despedir de Quentin, Laurel acordou em uma tenda ao lado de Oliver, questionando-o do porque o Monitor ter lhe dado esta chance. Oliver sugeriu que isto foi uma recompensa por não tê-lo traído, e que isto foi apenas um teste. Após saírem da tenda, eles descobrem que estão em Lian Yu.[18]

Penúltima missão

Em Lian Yu, Laurel, Oliver, Diggle, Connor, Mia e William são informados por Lyla de sua penúltima missão para o Monitor; construírem uma arma na ilha. Dinah, Roy e Rene estavam voando para lá com os recursos necessários, plutônio, porém quando se aproximavam seu avião foi derrubado por Edward Fyers, que foi ressuscitado por conta da antimatéria, e roubou o plutônio deles. O grupo então se separou: William e Mia permaneciam no acampamento, Lyla, Diggle e Connor iriam resgatar os outros e Laurel e Oliver procuravam pelo plutônio. Durante sua caminhada, Laurel sugeriu para que Oliver não ignorasse os sentimentos de Mia sobre sua iminente morte para se focar na missão, já que isto significava que ele iria sair da ilha com mais arrependimentos do que antes.

Laurel e Oliver são confrontados por Edward e seus capangas, incluindo Billy Wintergreen. Porém o Arqueiro e a Canário foram capaz de derrotá-los trabalhando como uma equipe, mas Flyers acaba fugindo. Oliver lhe entregou a maleta do plutônio e mandou-a retornar ao acampamento. Voltando para o início, Laurel se encontrou com Dinah, que explicou que levou Rene até William e Mia para que fosse cuidado. Roy estava preso por entre destroços e mais mercenários se aproximavam, então ele optou por amputar seu braço.

Equipe Arqueiro prestes a lutar

A Equipe Arqueiro pronta para o combate em Lian Yu.

Eles retornaram e construíram a arma demandada pelo Monitor, que iria absorver a energia de Lian Yu e fazer com que as pessoas ressuscitadas desaparecessem. Laurel, Oliver, Dinah, Diggle, Mia, Connor e Rene, ao lado de Yao Fei Gulong, confrontaram Fyers e seus homens no lado de fora de seu acampamento, para distraí-los enquanto a arma fosse construída. Momentos depois, Lyla utiliza o misterioso dispositivo e desaparece. Na manhã seguinte, os céus acima de Lian Yu tornaram-se vermelhos. Lyla retornou para a ilha como a Precursora do Monitor, clamando que a Crise havia começado.[19]

Crise de 2019

Durante a Crise de 2019, Laurel, assim como todos os seres do multiverso exceto pelos sete Paragons, foi morta por uma onda de antimatéria do Anti-Monitor em 10 de Dezembro de 2019.[20]

Pós-Crise

Novo recomeço

Após a união dos universos, as memórias de Laurel foram restauradas por J'onn J'onzz, e recebeu um anel criado por Cisco Ramon que permitia recriar tal habilidade. Aparentemente, ela desenvolveu uma relação próxima de Sara.

Com o funeral do Oliver se aproximando, Laurel começou a agir de forma estranha. Dinah questionou-a o que acontecia, na qual Laurel respondeu dizendo que estava normal. Após o sequestro de William, no qual ajudou nas buscas, Laurel foi ao escritório do recém-ressuscitado Quentin Lance para conversar com o mesmo, confessando em se sentir culpada que o sacrifício de Oliver trouxe todos de volta as pessoas nas quais ele ama, incluindo Quentin e Moira Queen, mas não sua sósia da Terra-1. Laurel acredita que Oliver não pode concertar isto por sua presença nesta Terra, mas Quentin abraçou-a e disse que ele não pôde concertar pois não havia nada para concertar. À noite, Laurel participou da inauguração de um monumento dedicado para Oliver e, no dia seguinte no funeral, encontrou o recém-ressuscitado Tommy Merlyn, que revelou que em sua linha do tempo a sósia falecida de Laurel era sua esposa.[21]

Após a cerimônia, Dinah desapareceu misteriosamente. Em alguns momentos, Sara revelou para Laurel que ela e as Lendas encontraram a antiga capitã de polícia vivendo em Star City 2040.[22]

Salvando Bianca Bertinelli

Em algum momento, Laurel foi informada através de Sara que Star City viria a ruína em 2041, e sua causa seria o sequestro e morte da socialite Bianca Bertinelli, enquanto Mia Queen participou do evento e tornou-se conhecida como "A Mulher Que Falhou Com Star City". Ela viajou à 2040 para tentar impedir que a jovem fosse sequestrada, e encontrou-a em uma boate. Laurel tentou avisá-la, mas ela não lhe deu ouvidos e foi sequestrada.

Após falhar em tentar impedir seu sequestro, Laurel encontrou Dinah em um bar, na qual a antiga Canário Negro é proprietária. Dinah diz que acordou no futuro um dia após o funeral de Oliver, sem saber como e descobriu que havia sido apagada da história, sem nenhum relato de Dinah Drake ou a Canário Negro. Por conta de sua falta de identidade, Dinah optou por viver uma vida tranquila, mas Laurel consegue convencê-la em ajudá-la em sua missão. Ambas se infiltraram na festa de graduação de Mia e se aproximaram dela, dizendo que eram amigas próximas de seus pais. Mia tentou despistá-las, mas Laurel utilizou o anel especial em Mia, fazendo-a relembrar-se de sua vida passada. Após uma missão na casa dos Bertinelli, Laurel discutiu com Dinah sobre esconder-se no futuro, confessando que acreditava que o universo lhe dizia para não sr uma heroína.

Elas descobrem que o primo de Bianca, Logan, iria mover "algo". À noite, elas interceptaram a locomoção mas foram atacadas por alguém com uma máscara de Exterminador. Laurel tentou convencer Mia que o vilão era JJ, assim como na linha temporal anterior. Apesar do protesto de Mia, elas se infiltraram em sua galeria para investigar o filho de Diggle. Após descobrirem que o homem é inocente, e que Bianca havia postado um vídeo em suas férias, Mia discutiu com Laurel e a acusou de arruinar sua vida, só por não aceitar que Star City não precisava mais de herói.

Dinah foi capaz de descobrir que o vídeo de Bianca era falso, e que ela havia sido de fato sequestrada. Laurel foi à casa de Mia, explicando que seu pai queria que ela vivesse feliz, mas também tivesse a possibilidade de escolher qual caminho seguir, e por isto havia devolvido suas memórias. Motivada, Mia decidiu utilizar seu traje de Arqueiro Verde, e junto com as Canários elas foram atrás de Bianca e seu sequestrador, seu ex-namorado Trevor, e também o homem com a máscara de Exterminador na noite passada. Após ser derrotado, o homem queimou-se vivo e explodiu o edifício, para esconder que "ela" estava por trás da operação. Felizmente, as heroínas e Bianca foram capazes de saírem vivas.

No dia seguinte, Mia dedicou um brinde ao Arqueiro Verde e as Canários, dizendo que a cidade ainda precisava deles. Laurel mudou-se com Dinah, e Drake revelou sua intenção de iniciar sua antiga equipe da linha do tempo anterior.[22]

Futuro apagado

2040

Em um futuro apagado, Laurel, em 2040, ajudou as Canaries. Ela, junto de Dinah, salvaram Mia Smoak de outros vigilantes. Ela se apresentou à Mia como uma "amiga de seus pais", dizendo que ela é bem semelhante a sua mãe e que, apesar de não ser uma Canário, ela poderia se tornar uma heroína.[1] Antes de partir, ela entregou para Mia um capacete dos soldados que a atacaram.[23]

Morte

De acordo com Mar Novu, Laurel deveria morrer junto com o restante da Terra-2. Porém, Oliver interferiu e alterou seu destino, salvando-a antes da completa destruição do universo.[15]

Realidade alterada

Em uma realidade alternativa criada pelo doutor John Deegan, do Asilo Arkham, usando o Livro do Destino, entregado para ele por Mar Novu, Deegan criou uma nova realidade onde Oliver Queen e Barry Allen tiveram suas vidas alteradas (Barry possuí as habilidades de Oliver e Oliver a velocidade de Barry), onde eles eram os únicos cidadãos da Terra-1 ao perceber isto. Após Oliver, Barry e Kara Danvers/Supergirl serem presos em Gotham City, Oliver disse à oficial em comando para contactar Laurel para ajudá-los em sua libertação. Porém, já que Laurel ainda possuía uma relação complicada com Oliver nesta realidade, ela disse ao oficial que deixando-os passarem uma noite na prisão os faria bem, fazendo com que Kate Kane pagassem sua fiança.[24]

Poderes e habilidades

Poderes

  • Fisiologia meta-humana: Após ser atingida por energia do acelerador de partículas do Laboratórios S.T.A.R. na Terra-2, seu DNA sofreu mutação e aperfeiçoou suas cordas vocais.
    • Grito super-sônico: O grito de Laurel é capaz de emitir um grito-sônico de sua voz, com sua maior frequência sendo 250 decibéis. O grito de Laurel é poderoso o bastante para arremessar um humano adulto e outros objetos pesdos à distância. Su grito também consegue despedaçar estátuas de mármore, aço, flechas e matar um ser humano, causando uma hemorragia interna. Com um grito, Laurel tremeu e derrubou um prédio do Laboratórios Mercury. Laurel também consegue controlar o alcance de seus gritos, criando ondas sísmicas capazes de destruir prédios, ou pequens para permiti-las entrar em um ouvido humano, causando danos internos em uma escala fatal mesmo que seu alvo tenha poderes regenerativos.
    • Imune ao som: Laurel é imune a seus poderes ou qualquer outro meta-humano com habilidades semelhantes às suas.

Habilidades

Para serem adicionadas...

Fraquezas

  • Cordas vocais: Se alguém, ou algo, apertar fortemente a garganta de Laurel, ela será incapaz de utilizar seu grito-sônico para se defender.

Equipamento

  • Traje de Canário Negro: Laurel utiliza um traje protetor enquanto luta contra o crime durante as atividades heroicas de sua alter-ego, Canário Negro.
  • Bastões: Após um tempo como a Canário Negro, Laurel começou a utilizar dois bastões como sua arma principal.
  • Anel de memória: Um aparelho criado por Ciso Ramon para recriar os poderes de J'onn J'onzz, Laurel utilizou-o em Mia Queen para restaurar suas memórias do multiverso original.

Equipamento anterior

Equipamento de um futuro apagado

  • Traje de Canário Negro: Em um futuro apagado de 2040, Laurel ainda utiliza o traje protetor de sua sósia da Terra-1 enquanto luta contra o crime em seu alter-ego, Canário Negro.
    • Peruca loura: Em um futuro apagado de 2040, Laurel utilizava uma peruca que chegava a seus ombros junto com seu traje de Canário Negro.

Aparições

Flash

2ª Temporada

Arqueiro

5ª Temporada

6ª Temporada

7ª Temporada

8ª Temporada

Galeria

Arte conceitual

Flash

2ª Temporada

Arqueiro

8ª Temporada

Imagens promocionais

Green Arrow and the Canaries

Curiosidades

  • Laurel é uma das três pessoas que foram capazes de fugir no pipeline sem o envolvimento do Time Flash. Os outros dois sendo Hartley Rathaway, em uma linha do tempo alternativa, e Barry Allen, que quebrou o vidro de sua cela para salvar Iris West.
  • Laurel é a única vilã que trabalhou om três antagonistas de diferentes séries do Arrowverso; Zoom, Prometheus e Ricardo Diaz. Todos utilizaram-a como sua mão direita e um meio de tormentar seus inimigos, Barry e Oliver Queen, fazendo-os relembrar-se de sua sósia da Terra-1.

Referências

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.