FANDOM



O Novo Reichsmen é um grupo campeão de elite de Nazistas Schutzstaffel sendo liderados nas batalhas por uma Kryptoniana poderosa chamada de Kara/Overgirl. O grupo se opõe contra as ações dos heróis Defensores da Liberdade e tentaram capturar o neuro-cortex do androide Tornado Vermelho, que contem informações das atividades dos heróis. Depois do ataque contra a Terra Um pelo Novo Reich, a maioria dos Reichsmen caiu, deixando apenas Sereia-X para trás.

Visão geral

O Novo Reichsmen atua como um grupo de ataque de elite formado pelos membros Schutzstaffel: Generais SS Kara e Oliver, com o último mais tarde se tornando Führer, e o velocista afiliado-SS Blitzkrieg. Apesar de Oliver ser um Führer, ele reconhece a liderança de Kara no Novo Reichsmen, especialmente em missões e batalhas, juntamente com Blitzkrieg e seguindo seus planos nas batalhas.[1][2]

História

Quando as tropas do Novo Reich entraram no campo de batalha nos arredores de Tulsa, Oklahoma, a voz do Führer Oliver passou pelos alto-falantes, exigindo a rendição da resistência e ameaçando levar tudo o que eles queriam se os partidários da resistência recusassem. Depois que os Defensores da Liberdade se juntaram a briga, Overgirl chegou para combater os super-heróis. Tornado Vermelho calculou boas chances para derrotar Kara sozinho, mas como foi dito, Arqueiro Negro e Blitzkrieg imediatamente apareceram, emboscando os heróis.[2]

Overgirl então concentrou seus ataques no Tornado Vermelho, tentando perfurar a cabeça do robô e tomar seu neuro-córtex. Arqueiro Negro tentou combater Black Condor e Dollman, enquanto Phantom Lady e Ray cegaram Overgirl e levaram os restos do robô para um local seguro. Vibro então lançou Blitzkrieg, mas não antes que o malévolo velocista o golpeasse com um raio na sua espada, deixando um ferimento fatal. Como Arqueiro Negro e Overgirl lutaram contra o resto dos heróis, o Ray escapou em um buraco de minhoca para a Terra Um, aberta por Vibro.[3]

Depois de se reagrupar, Kara se concentrou em formular seu próximo plano de ataque, meditando sobre o problema dos Defensores da Liberdade. Quando ela decidiu sobre o curso de ação, Oliver e Blitzkrieg lhe deram uma saudação nazista. Mais tarde, os Novos Reichsmen infiltraram-se no esconderijo de Vibro e ofereceram-lhe a rendição por um curso de "duas refeições quadradas por dia" na prisão. Como Vibro tentou escapar, ele foi combatido por Blitzkrieg e derrotado pelo velocista. Blitzkrieg acessou o sistema de computadores de Vibro e ignorou sua pesquisa sobre o multiverso e os dispositivos que supervisionavam a Terra Um. Interessados ​​pelas informações do computador sobre Ray Terrill, da Terra Um, os Novos Reichsmen sorriram, pensando em uma nova conspiração.[1]

Vários meses após a invasão, os Defensores da Liberdade conseguiram derrubar o Novo Reich, com todos os Reichsmen sendo derrotados pelos rebeldes. No entanto, um dos seus membros, uma assassina meta-humana conhecido como Sereia-X, escapou dos Defensores da Liberdade e planejou sua vingança. Ela seguiu Leo Snart para a Terra Um, aprendendo sobre o enredo relacionado a um meta-humano nuclear conhecido como Fallout. Ela conseguiu capturar o meta-humano por conta própria e liberou seus poderes no CCPD da Terra Um, com a intenção de deixar o Fallout explodir e derrubar Central City com ele. Ela foi finalmente interrompida pelo Flash com a ajuda de Leo Snart e Caitlin Snow. A Sereia-X foi então presa no Pipeline dos Laboratórios S.T.A.R.[4]

Membros conhecidos

Membros antigos

Aparições

Freedom Fighters: The Ray

Flash

Quarta temporada

Referências

  1. 1,0 1,1 "Episódio Seis"
  2. 2,0 2,1 "Episódio Um"
  3. "Episódio Dois"
  4. "O Trapaceiro da Fúria"
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.