Arrowverso Wiki
Advertisement

"O Livro da Resistência - Capítulo 4: Terceira Pedra a Partir do Sol" é o nono episódio e o final de meia-temporada da terceira temporada de Raio Negro, e também o trigésimo oitavo episódio em geral. Ele foi exibido originalmente em 9 de Dezembro de 2019, tendo sua estreia no Brasil em 26 de Março de 2020.

O episódio serve como prelúdio ao evento crossover Crise nas Infinitas Terras, antecipando a aparição de Jefferson Pierce/Raio Negro no episódio "Crise nas Infinitas Terras: Parte Três", de série Flash.

Sinopse[]

Estados Unidos[]

A família Pierce teme pela vida de Jennifer.[1]

Brasil[]

Uma tempestade transporta Jennifer a dimensões paralelas. Odell quer transformar os metas do campo em armas.

Enredo[]

Terra-RN*
O episódio se inicia com Jennifer gravando uma mensagem para sua irmã, onde demonstra sua dúvida sobre suas atividades com a ASA e que não sabe em quem acredita, porém seu coração diz para acreditar em sua família enquanto sua cabeça em Odell. Uma repórter noticia os eventos que ocorrem em Freeland.

Odell contata Jennifer, que ordena que ela faça uma patrulha em um local ordenado. Pássaro Negro e Raio Negro discutem sobre lutarem antes de serem atacados, e Anissa revela que Khalil está vivo e foi atacado pelo mesmo. Novamente em seu lar, Jennifer está vestindo seu traje e sentada em sua varanda quando começa a ouvir barulhos de trovões. De repente, o céu escuro da noite se torna avermelhado e, ao tentar entrar em contato com Odell, seus comunicadores falham. De repente, ela começa a brilhar e desmaia.

"Lugar seguro"
Em um lugar desconhecido, Jennifer encontra duas sósias suas. Cada uma da sósia possuí a mesma história com a ASA, mas elas acabaram de formas diferentes.

Terra-1
Na Terra-1, a família Pierce comemora o Natal quando a Jennifer deste universo repara o estranho fenômeno no lado de fora. Ela fala com sua irmã sobre Anissa assumir-se lésbica para sua família, assim como as consequências de Jennifer ter alterado a água em Freeland. Elas ouvem um barulho no lado de fora e vão investigar, e encontram a ASA confrontando seu pai. Rajada, a Jennifer original, tenta impedir que seu pai seja morto nas mãos de Odell, porém não consegue. A Jennifer deste universo é levada pela agência enquanto Anissa é deixadas para trás, lamentando a morte de seu parente.

Terra-RN*
Anissa está ao lado de sua irmã, que emite um brilho e fica desaparecendo constantemente. Gambi chega e Anissa o atualiza, neste momento Jennifer se levanta e diz que "o pai está morto" antes de voltar a desmaiar, deixando ambos confusos.

Terra-1
Presa na sede da ASA, Jennifer é vistada por Anissa, que diz que sua mãe irá visitá-la logo. Enquanto as irmãs discutiam, a Rajada da Terra-RN tenta conversar com sua sósia, mas não consegue. Jennifer se culpa pela morte de seu pai, mas a Anissa lhe tranquila dizendo que seu pai havia morrido lutando por Freeland, mesmo sem seus poderes.

Terra-RN*
Gambi analisa Jennifer e diz que seus sinais vitais desaparecendo, dando a entender que havia morrido. Porém, ela logo volta ao normal. Anissa diz que isto havia começado quando o céu tornou-se vermelho. Lynn recebe uma ligação de uma Anissa desesperada, pedindo para que ela a encontrasse em sua casa.

Terra-1
Lynn visita Jennifer, onde se desculpa com sua filha por não tê-la visitada frequentemente. Ela diz que seu pai era orgulhoso dela, mas a confronta. Ela diz que conversavam todos os dias, e de como estava orgulhoso com as vidas que Jennifer havia salvado, dizendo que ele estava orgulhoso por "fazer algo que [ele] não pôde, trazer a paz a Freeland". Jennifer questiona se fazer isto, e ainda ser presa, havia valido a pena. Ela diz que sim.

Terra-RN*
Jefferson chega ao apartamento e vê Jennifer deitada na maca, com Gambi e sua família ao seu redor. Enquanto a "tempestade" no lado de fora piorava, Gambi explica que os céus vermelhos estão emitindo uma onda de antimatéria, e que os poderes de Jennifer são mais sensíveis a estes efeitos e, por isto, está em dois lugares ao mesmo tempo. Gambi diz que ela está vagando entre universos paralelos, mas Jefferson dúvida. Henderson liga para o local, e Anissa diz que não pode ajudá-lo por estar lidando com um problema. Porém, Lynn diz que Jefferson teria de ir por isto ser culpa dele enquanto Anissa permaneceria caso alguém tentasse atacá-los.

Terra-2
Jinn Pierce caminha pelos corredores da escola enquanto Jefferson cuida de sua sala de aula. Ela havia ido lá para conversar com seu pai, que tenta convencê-la que Odell está a usando. Jennifer não se convence, e seu pai diz que, quanto mais utiliza seus poderes, mais ele perde sua filha. Jennifer dispensa os comentários de seu pai, dizendo que vai "limpar a bagunça" que ele havia feito. Jinn caminha solitária pelos corredores da escola, enquanto é observada pela Rajada. Ela se vira para seu pai e o vê com a mesma emoção que sua sósia, entristecido.

Terra-RN*
Na base da ASA, Odell diz que mostrará a localização da prisão de meta-humanos para Raio Negro, acreditando que ele não atacará por ter o "espirito fraco". Ele também ordena que as pessoas meta-humanas, recém capturadas das ruas, sejam enviadas ao campo de batalha mesmo sem o devido treinamento adequado.

Terra-2
Em um lugar desconhecido, Jinn caminha pelos corpos de diversos meta-humanos que matou. Odell aparece e diz que matá-los não era necessário, mas Jinn diz que estes ajudaram-o a vencer a guerra com Markovia. "Sem Markovianos, sem guerra. Sem guerra, sem meta-humanos", diz ela para o agente Odell, que a agradece por sua lealdade e disposição a agência.

Terra-RN*
A situação de Jennifer está se piorando. Gambi explica que quando a antimatéria entra cada vez mais na atmosfera, ela desaparece (não fisicamente). Anissa acredita que a ASA é a causadora dos céus vermelhos, mas Gambi diz que a agência é capaz de muitas coisas, mas gerar antimatéria não é uma delas. Ela também revela que Khalil está vivo, mas não surpreende ninguém. Sua mãe diz que já havia sido atacada pelo Painkiller. Gambi revela que a ASA mandou um caminhão com Luz Verde para os meta-humanos do Poço, e Lynn chega a conclusão de que Odell quer utilizá-los como soldados.

Terra-2
Enquanto a tempestade vermelha continua no lado de fora, Jinn visita a casa de sua família. Seu pai a confronta sobre a morte dos inocentes. Jinn dispensa os comentários de seu pai, dizendo que ela é a garota que fez mais do que o Raio Negro já havia feito. Enquanto continuavam a discussão, Lynn e Anissa aparecem. Jefferson diz que Jinn havia passado dos limites, com sua mãe recomendando se entregar para as autoridades. Jinn dispensa, dizendo que "[eu] sou as autoridades".

Anissa tenta acalmá-los, mas Jinn diz que todos de sua família são fracos, zombando de seu pai e sua irmã. Jinn brilha sua mão e desconcentra Anissa, que ao se recuperar aplaude suas mãos e arremessa sua irmã para longe. Jinn se levanta e dispara em Anissa, que, possivelmente, a mata. Jefferson a ataca, mas seu golpe é refletido por ela e atinge Lynn, que também a mata. Jinn e Jefferson iniciam um duelo. Enquanto o enfrentava, ela recitava o dilema que seu pai citava para seus alunos. Rajada tenta intervir, mas não consegue. Os poderes de Jinn provam-se superiores ao do antigo vigilante, e ela consegue matá-lo. Ela dá um último olhar para sua família assassinada, e sai do local.

Terra-RN*
Jennifer se levanta e grita "não", mas logo depois desmaia novamente. Lynn implora para que Gambi faça alguma coisa, mas ele não sabe o que fazer para ajudar. De repente, o corpo de Jennifer começa a se evaporar e transformar-se em uma matéria laranja.

"Lugar seguro"
No void preto, e após ver as histórias de suas sósias, Jennifer confronta Jinn e lhe dá um tapa. Rajada tenta utilizar seus poderes, mas não consegue. Jennifer e Jinn entram em um combate corpo-a-corpo, enquanto Gen tentava impedi-las. Elas encerram o confronto e Jennifer fala sobre a tempestade, dizendo para Gen que tentou ajudá-la a salvar seu pai, mas não foi capaz.

Gen chega a conclusão de que as três sósias são de universos diferentes. Jennifer teoriza que a "tempestade" está reunindo os universos e lançando-os um em cima do outro, deixando que apenas um saia sobrevivente. Jennifer confronta Jinn, dizendo que ela possuí "poder demais", explicando que têm o bastante para acreditar que "está tudo bem em matar sua família" e permitir deixar-se ser controlada por Odell. Ela então se vira para Gen, dizendo que também desejava não ter poderes e voltar a "ser normal", mas diz que chegou a conclusão que não há "normal".

Jinn se defende, dizendo que trouxe "paz" para sua Freeland. Jennifer se choca, dizendo que ela não possuí mais ninguém que a ama vivo, explicando que isto seria o inferno para ela, e que estaria longe de ser paz. Ela se vira para Gen e a diz para não desistir de seus poderes, dizendo-a que eles são um presente e, caso não fosse merecedora, ela e sua família não teriam recebido-os. De repente, uma música começa a tocar no meio do vazio. Gen avista uma "onda branca", mas Jennifer não consegue vê-la. Antes que possa reagir, a "onda branca" passa pelas três e evapora Jinn e Gen, deixando Jennifer sozinha.

Terra-RN*
Jennifer, em uma forma laranja, brilha no teto da casa enquanto a tempestade no lado de fora continua a piorar. Lynn implora para que sua filha lute para que possa voltar. Enquanto a música continua a tocar, Gambi avista a "onda branca" indo em sua direção. O corpo de Jefferson começa a brilhar e ele desaparece por motivos desconhecidos. Em questões de segundos, a "onda branca" adentra o apartamento e começa a evaporar cada pessoa lá. Primeiro Gambi, seguido por Lynn e, por último, Anissa, que utilizava seu traje. Além destes três, cidade da Freeland e todo o universo e seus habitantes foi evaporado pela mesma "onda branca".

Nota[]

(*) = Terra-Raio Negro (a série não possuí uma designação oficial para o universo onde seus episódios ocorrem, então, por isto, foi utilizado uma forma não-oficial para identificá-la na explicação da história).

Elenco[]

Estrelando[]

Convidados especiais[]

Co-estrelando[]

  • Adetinpo Thomas como Jamillah Olsen
  • Katy O'Brian como Sara Grey e Sara Grey (Terra-1)
  • Vernika Rowe como Tia Gina
  • Renell Gibbs como Kyrie
  • Amanda Baker como Rebecca Larsen
  • Sh'Kia Augustin como Shonda

Curiosidades[]

  • O nome do episódio, "Terceira Pedra a Partir do Sol", era o nome original do episódio. Porém, nos Estados Unidos, ele foi alterado para "Earth Crisis" para coincidir-se com o crossover Crise nas Infinitas Terras, mas a Netflix optou por permanecer com seu título original.
  • Este é o último episódio de Raio Negro em passar-se em sua Terra original. Nos episódios seguintes, a série estará na Terra-Prime em um mundo pós-Crise junto com as demais séries do Arrowverso.

Erros[]

  • O episódio contem algumas inconsistências. Por exemplo, ele ignora o fato de que a Terra-2 foi destruída semanas antes do início da Crise nas Terras Infinitas, especificamente em "Starling City", e faz com que as versões da Terra-1 e Terra-2 de Jen (Gen e Jinn, respectivamente) entrassem em um void para testemunhar o evento que já aconteceu antes.
    • Porém, é possível que cada versão de Jennifer tenha sido levado para o lugar seguro quando suas Terras foram atacadas.
  • As memórias de Gen mostram ela comemorando o Natal enquanto a Crise acontece. Porém, foi revelado em "Salto no Vazio" que a Crise aconteceria em 10 de Dezembro, o que é duas semanas antes do Natal.

Referências[]

  1. The Futon Critic (em Inglês)
Advertisement