Arrowverso Wiki
Advertisement

"Pontos Cegos" é o décimo segundo episódio da sexta temporada de Supergirl e o centésimo décimo oitavo episódio em geral. Ele foi exibido nos Estados Unidos em 21 de setembro de 2021, tendo sua estreia no Brasil em 10 de outubro de 2021.

O episódio faz parte de um arco de John Diggle dividido em quatro partes, que começou no décimo sexto episódio da segunda temporada de Batwoman, e continuou no décimo sexto episódio da sétima temporada de Flash e no décimo segundo episódio da primeira temporada de Superman & Lois.

Sinopse

Kelly fica horrorizada quando o prédio Ormfell explode, ferindo diversas pessoas da comunidade, incluindo Joey. Porém, seu horror logo se torna em frustração quando percebe que o hospital está sobrecarregado, com as pessoas ficando doente e ninguém para ajudá-los - incluindo a Supergirl, que está ocupada enfrentando Nyxly. Sabendo que pode fazer a diferença, Kelly abraça seu poder e finalmente se torna a Guardiã. Junto da Supergirl, Alex e Diggle e sua equipe, a Guardiã lidera o caminho para restaurar a justiça à comunidade.[1]

Enredo

Na nave de Mitch, Nyxly analisa a espera após absorver Mxyzptlk para dentro dela. No entanto, a esfera aparenta não estar funcionando, fazendo a imp questionar o que poderia ter dado errado.

Em um "flashback" para 24 horas atrás, Kelly Olsen está saindo de uma loja enquanto conversa com Joey Davis pelo telefone, que estava animado para mostrar sua casa no prédio Ormfell para uma amiga. No entanto, a ligação é encerrada abrutadamente, e Kelly nota uma explosão em sua frente. Ela corre até o prédio Ormfell, onde retira Joey do meio dos escombros. Orlando Davis aparece, e eles levam as pessoas afetadas pela explosão ao hospital. Lá, eles descobrem que Joey estava passando por problemas respiratórios, mas a clínica não tinha dispositivos para todos. A conselheira Jean Rankin aparece, carregada em um maca. Kelly diz que a clínica está sobrecarregada e pede por sua ajuda, mas a mulher apenas vai embora. Ela liga para Alex Danvers e pede ajuda dos Superamigos, mas sua namorada diz que eles estão ocupados.

No dia seguinte, Rankin pede para que fosse testada. Um brilho azul passa por ela, assim como as outras pessoas afetadas pela explosão, mas ninguém percebe isso. Entristecida pelo fato de ninguém ajudá-la, Kelly liga para seu irmão e faz um desabafo, contando sobre sua decepção por ninguém se importar com eles. Enquanto ela está ao telefone, Rankin pega o medicamento, faz a infusão, e começa a brilhar em azul, enquanto cada uma das outras vítimas sofre avarias.

Enquanto isso, em Newfoundland, Lena Luthor está testando sua magia quando, acidentalmente, acaba colocando a manga de Florence Abbott em fogo. Ao receber uma matéria da CatCo, a respeito dos Superamigos, Lena vai embora, afirmando que seus amigos precisavam dela. De volta à National City, a Supergirl diz que não encontrou Nyxly. Querl Dox afirma que há uma chance de localizá-la, mas precisava de algo. Em seu apartamento, Kelly liga para Andrea Rojas, pedindo para que cobrisse o acidente no Heights, mas Andrea afirma que seus seguidores não se importariam. Ela atende a porta e recebe a visita de John Diggle, dizendo que seu irmão o enviou para ajudá-la. Kelly admite que se sente sozinha com relação ao fato de que os super-heróis têm super-malfeitores para lutar. Diggle compreende e pergunta a Kelly o que ela sabe - que alguma opção diferente do resíduo está deixando os indivíduos debilitados.

Kelly e Diggle voltam para o prédio Ormfell, agora destruído, e encontram uma luz azul brilhante e os dois heróis decidem segui-la. Rankin chega, emocionada porque o alojamento razoável não existia. Ela então desejou por um sanduíche, que se materializou em sua mão, e reconheceu que tem poderes e que pode mudar a área da maneira que precisar. Na Torre, a Supergirl e Alex retornam com o dispositivo pedido. Ao ligá-lo, Brainy encontrou assinatura de magia da Quinta Dimensão vindo diretamente do prédio. Os Superamigos foram até lá, mas encontraram Kelly e Diggle, que estavam investigando o prédio. No final das contas, a estrutura foi adicionalmente afetada pela energia que está debilitando as pessoas. Os Superamigos pretendem rastrear e eliminar a energia para que possam utilizá-la para encontrar Nyxly. Em seu escritório, Rankin utiliza seus poderes recém-descobertos para pagar mais um legislador a seu lado, no entanto, cada vez que ela utiliza essas forças, outros afetados pelo colapso acabam perdendo suas forças. Kelly tenta esclarecer a Supergirl sobre como as questões fundamentais maiores da área local carente que é o Heights, mas Supergirl está centrada em torno de Nyxly e consertar as coisas como estavam. Ela não estava entendendo a situação do problema. Ninguém está, nem mesmo Alex, que também está centrada na busca de Nyxly. A Sonhadora dá a Kelly um scanner que ela pode usar para verificar se há algo que eles perderam.

Kelly e Diggle retornam à clínica, e encontram Joey piorando. Quando o scanner começa a apitar, Kelly e Diggle encontram Rankin no lado de fora, e questionam-se como ela estava melhor que os outros. Kelly então percebe que Rankin está emitindo energia da Quinta Dimensão, e teoriza que ela possa estar envolvida com a situação. Orlando ouve isto e vai até lá para confrontar a mulher, enquanto Kelly e Diggle o seguem. Orlando começou a confrontá-la, dizendo que as pessoas precisavam de ajuda, mas ela apenas se importava consigo mesma e seus ganhos pessoais. Um segurança tentou atacá-lo, mas Kelly, portando o escudo do Guardião e seu capacete, aparece e o defende. Quando Rankin começou a fugir, Kelly e Diggle foram atrás dela. Diggle ficou para trás lutando contra os seguranças, enquanto Kelly continuou a perseguir Rankin. A mulher havia desaparecido, mas Rankin, usando seus poderes, se teletransportou para atrás de Kelly e a atacou. As duas lutam, mas Rankin consegue escapar, não antes de Kelly conseguir pegar uma parte de seu cabelo.

Na Torre, os Superamigos estavam analisando os destroços do prédio, com Brainy afirmando que conseguiriam encontrar Nyxly. Kelly aparece na Torre com Diggle, dizendo o que aconteceu. Ela conta que Rankin era o problema, mas eles não se importavam. Eles não viam ela, ou o problema principal, pois estavam ocupados demais procurando por Nyxly. Ela diz que os Superamigos deveriam lutar por todos igualmente, mas quando vê outras pessoas passando por problemas, os heróis apenas os ignoram completamente. Depois disso, ela vai embora. Diggle vai conversar com Kelly, que estava socando um saco de pancadas, que afirmou a ele que queria fazer a diferença, mas não conseguia fazer isso sozinha contra um sistema inteiro. Diggle afirmou que não era a hora de fugir dessa luta, e que ela deveria usar essa raiva como um combustível. Ele continuou, dizendo que recebeu o convite para se tornar um "tipo especial de herói", mas teria que abandonar sua família para fazê-lo. Ele perguntou que tipo de herói Kelly gostaria de ser, e ela respondeu que gostaria de ser o herói das pessoas que perderam as esperanças e que não precisariam lutar sozinhos todos os dias.

A Supergirl aparece, se desculpando por não ter reconhecido o problema das pessoas do Heights. Kelly admite que empurrou para baixo uma quantidade tão grande de seu próprio ferimento para continuar. Ela diz que a Supergirl pode não entender, mas ela tem que saber que isso existe e que os desapontados precisam confiar e não têm a vantagem de se concentrar no amanhã. Os desapontados estão tentando aguentar o dia, e Supergirl certamente não é uma pessoa terrível por não ver isso, mas ela precisa reconhecer seus lados vulneráveis e apoiá-la no restabelecimento do patrimônio. Em outro lugar, Alex conversa com J'onn J'onzz sobre Kelly. O marciano diz como ele, com poderes de se transformar em qualquer pessoa, decidiu se apresentar como um homem preto, e de várias maneiras, isso o fez se sentir mais um estranho do que neste mundo do que sendo um próprio alienígena, reconhecendo que Kelly e Diggle não podem fazer o que ele pode.

Algum tempo depois, Brainy aparece e explica o que aconteceu com Rankin, dizendo que ela usava os poderes para absorver a energia das pessoas afetadas pela explosão do Heights. No entanto, ele disse que, para derrotar Rankin, teriam que usar os destroços recolhidos, perdendo a oportunidade de encontrar Nyxly. A Supergirl disse que não tem problema, e que as pessoas do Heights são a prioridade. Kelly então pediu para Brainy ajudá-la a modificar o traje de Guardião para si mesma. Ela pergunta para Brainy se, no futuro, os humanos haviam encontrado alguma maneira de acabar com o racismo e as desigualdades. No entanto, o coluano afirma que, embora quisesse dizer que sim, as coisas ainda estavam a mesma coisa, apesar do futuro estar melhor em tantos aspectos. Ele, porém, afirma que o presente tem algo que o futuro não tinha: Kelly Olsen como a Guardiã, dizendo que havia tempo de fazer a diferença.

Kelly, completamente trajada como a Guardiã, confronta Rankin com os Superamigos. Rankin diz que ela iria obliterar a cidade e modificá-la à sua visão. Os Superamigos partem para proteger a vizinhança enquanto Rankin começa a atacá-los. A Guardiã vai até Orlando enquanto a Supergirl e os outros lidam com Rankin, pedindo por sua ajuda. O homem estava relutante em confiar na vigilante, mas a Guardiã consegue convencê-lo. Orlando leva as pessoas do Heights para fora da clínica, enquanto a Guardiã se posiciona no prédio para absorver a energia de Rankin. Depois da Supergirl posicioná-la, afirmando para a mulher que tal poder não pertence a ela, a Guardiã usa o dispositivo para redirecionar a energia para as pessoas afetadas, fazendo-os melhorarem e recuperarem sua saúde.

Na Torre, Diggle parabenizou Kelly por sua ação, afirmando que James ficaria orgulhoso dela. Depois de sair, a Supergirl aparece, dizendo que estava errado, afirmando que sabia de algo, que estava muito além de seu conhecimento. Kelly a tranquilizou, dizendo que teriam que lutar contra a opressão juntas. Kelly reconhece que Kara luta contra supervilões e que a cidade precisa disso, mas ela também precisava de alguém que estivesse lá pelas pessoas, afirmando que essa seria sua luta. Enquanto saia, Brainy perguntou se ele voltaria para Metrópolis. Diggle afirmou que sim, e, ao entrar no elevador, disse que mundos o aguardavam.

Na nave de Mitch, a esfera voltou a funcionar. Ele perguntou se ela havia encontrado o Totem da Coragem, o que Nyxly afirmou. Ao chegar em seu apartamento, Lena encontra o antigo livro de feitiços de sua mãe. Em casa, vemos Kelly enrolar o cabelo em um lenço. Alex aparece, se desculpando por não ter compreendido a gravidade da situação. Kelly a tranquilizou, garantindo que estava tudo bem, e que ela não compreenderá completamente, mas ela precisava ser uma parceira. Kelly aconselha Alex a simplesmente deixá-la sozinha sem descarregar tudo, reservar um espaço para ela e amá-la. As duas então se abraçaram.

Elenco

Estrelando

Estrela convidada especial

Estrelas convidadas

  • Matt Baram como Mitch
  • Kari Matchett como Jean Rankin
  • Mila Jones como Esme
  • Jhaleil Swaby como Orlando Davis
  • Aiden Stoxx como Joey Davis
  • Colleen Wheeler como Florence Abbott

Curiosidades

Referências

Advertisement